Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Protesto em São Paulo termina com nove detidos

Mascarados bloquearam o trânsito e tentaram chegar à Avenida Paulista, decorada para o Natal. Polícia impediu temendo a destruição da decoração

Por Da Redação 14 dez 2013, 13h53

Nove manifestantes foram detidos na noite de sexta-feira durante um protesto com a participação de Black blocs na região central de São Paulo. As prisões aconteceram depois que cerca de 50 mascarados tentaram chegar à Avenida Paulista, que está decorada para o Natal. A polícia temia que o grupo destruísse a decoração.

Os manifestantes, que protestavam contra o governador Geraldo Alckmin, se concentraram no Theatro Municipal no início da noite e saíram em passeata pela região da Sé. Por volta das 20h, os manifestantes bloquearam a Avenida Brigadeiro Luís Antônio, na altura da Rua Maria Paula. Parte do grupo se dirigiu à Praça da República. Para evitar que o protesto chegasse à Avenida Paulista, a polícia fechou um dos acessos ao metrô.

Os policiais fizeram um cordão de isolamento, mas os mascarados não recuaram, iniciando o conflito que deixou pelo menos um ferido. De acordo com a polícia, três menores foram apreendidos e seis jovens foram detidos. Eles foram ouvidos na delegacia e liberados durante a madrugada.

Leia também:

‘Não mudaremos a nossa postura’, diz coronel agredido

Polícia prende suspeito de espancar coronel em SP

Continua após a publicidade
Publicidade