Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Presidente do Conselho de Ética suspeita que teve o telefone clonado

Por Da Redação 30 nov 2015, 16h13

Presidente do Conselho de Ética da Câmara, o deputado José Carlos Araújo (PSD-BA) suspeita que sua linha telefônica tenha sido clonada. Da última quinta-feira para cá, Araújo percebeu que seu celular sofreu sucessivas interferências, passando a ter constantemente linha cruzada, e ainda estava sendo acionado reiteradamente com ligações em busca de outras pessoas. “Eu fui diretor de uma empresa de telefonia na Bahia e sei como essas coisas funcionam. Logo fiquei preocupado”, disse o parlamentar nesta segunda-feira ao site de VEJA. Por precaução, o deputado trocou de número. À frente do inédito caso de julgar um presidente da Câmara em exercício, José Carlos Araújo evitou relacionar a suspeita de clonagem ao processo de cassação contra Eduardo Cunha (PMDB-RJ). “Não faço suposições. Mas, na dúvida de ter algo errado, tirei o telefone do ar”, disse. (Marcela Mattos, de Brasília)

Publicidade