Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Podemos lança Alvaro Dias para disputar presidência do Senado

Legenda também defende voto aberto na disputa

O Podemos lançou nesta terça-feira, 22, a candidatura de Alvaro Dias (PR) para a presidência do Senado. A legenda também defende o voto aberto nas eleições para o comando da Casa e da Câmara dos Deputados.

“Em consulta às suas bases, com mais de 110 mil pessoas alcançadas, o senador Alvaro Dias obteve o apoio de 96% dos votos para a presidência do Senado Federal”, diz nota da legenda.

Derrotado na disputa presidencial de 2018, com 0,8% dos votos válidos, Alvaro Dias está na metade de seu mandato de senador, para o qual foi eleito em 2014.

Além de Dias, a senadora Simone Tebet (MS) oficializou seu nome como alternativa do MDB a Renan Calheiros (AL), que, embora não tenha anunciado sua candidatura, é considerado um dos nomes fortes para a disputa.

Considerado hostil ao governo Jair Bolsonaro (PSL), Renan sofre resistência de parte da opinião pública por estar identificado com a “velha política”.

A candidatura de Simone é vista com simpatia até mesmo por candidaturas lançadas em oposição a Renan. O senadores Major Olímpio (PSL-SP) e Tasso Jereissati (PSDB-CE) já chegaram a declarar que podem abrir mão da disputa pelo comando da Casa se o MDB optar pelo nome da senadora de Mato Grosso do Sul.

A bancada do MDB irá decidir se indica Renan, Simone ou eventuais outros candidatos do partido a partir da próxima terça-feira, 29, quando os emedebistas vão iniciar o debate para saber quem é a melhor opção. Ao todo, o MDB terá doze parlamentares a partir de 2019 e, atualmente, a bancada estaria dividida.

(com Estadão Conteúdo)