Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pesquisa: Luciano Huck bateria Doria e Amoêdo em disputa pela Presidência

Sem definir se trocará TV por corrida eleitoral em 2022, apresentador é o candidato que mais toma votos de Jair Bolsonaro, mostra levantamento VEJA/FSB

Além do bom desempenho de Jair Bolsonaro, que venceria a disputa pela Presidência da República nos três cenários em que tem o nome testado, outro destaque na pesquisa VEJA/FSB é o apresentador Luciano Huck. Nos dois cenários testados, com Bolsonaro e sem o presidente, o apresentador recebe entre 11% e 13% das intenções de voto, respectivamente, em um desempenho bem melhor que o de nomes como o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e o empresário João Amoêdo (Novo), presidenciável em 2018.

Por ora, Huck não pretende entrar na disputa, como considerou fazer em 2018. Mas continua engajado no movimento de renovação política Agora! e discutindo os problemas brasileiros em palestras pelo país. Recentemente, afirmou que o governo Bolsonaro é “o último capítulo do que não deu certo”. Cinco dias depois, viu o nome de uma de suas empresas na lista das que tomaram dinheiro emprestado do BNDES para comprar jatinhos.

Cruzamento feito pela FSB entre os resultados da pesquisa de primeiro turno e votos dados por eleitores a Bolsonaro em 2018 mostra que Huck é o candidato que mais incomoda o presidente: Bolsonaro mantém 59% de seus eleitores e perde 8% para Huck, 6% para Ciro, 5% para Amoêdo, 4% para Doria e 3% para Haddad.

Assine agora o site para ler na íntegra esta reportagem e tenha acesso a todas as edições de VEJA:

Ou adquira a edição desta semana para iOS e Android.
Aproveite: todas as edições de VEJA Digital por 1 mês grátis no Go Read.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Farlley Rodrigues

    Pessquisa a mais de três anos da eleição?

    Curtir