Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

Odebrecht: Eduardo Campos recebeu R$ 5 milhões em propina

O repasse foi realizado quando o socialista era governador de Pernambuco

Por Rodrigo Rangel, Daniel Pereira, Robson Bonin, Laryssa Borges, Marcela Mattos, Felipe Frazão, Hugo Marques, Thiago Bronzatto Atualizado em 12 abr 2017, 17h45 - Publicado em 12 abr 2017, 00h40

Morto num acidente aéreo em 2014, quando era pré-candidato a presidente da República, Eduardo Campos recebeu 5 milhões de reais em propina quando era governador de Pernambuco. O valor correspondia a 3% dos contratos que a Odebrecht tinha com o Estado.

Dois delatores contaram essa história à força-tarefa da Lava-Jato. Um deles, João Pacífico Ferreira, era o mais importante executivo da empreiteira na região Nordeste.


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)