Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Não compactuo com ilícito’, diz Calero após demissão de Geddel

Ex-ministro da Cultura afirmou que nunca "agiu de má-fé ou de maneira ardilosa" sobre os áudios entregues à Polícia Federal

Em resposta a pronunciamentos do Palácio do Planalto, o ex-ministro da Cultura Marcelo Calero afirmou nesta sexta-feira que não pediu uma reunião com o presidente Michel Temer com o objetivo de gravar a conversa. Disse também que, em sua carreira política e diplomática, “nunca agiu de má-fé ou de maneira ardilosa” e que, em relação ao episódio envolvendo o apartamento do agora também ex-ministro Geddel Vieira Lima, apenas demonstrou que não tolera atos ilícitos.

“No episódio que agora se torna público, cumpri minha obrigação como cidadão brasileiro que não compactua com o ilícito e que age respeitando e valorizando as instituições”, escreveu em nota publicada em sua página no Facebook. Essa é a primeira declaração dada por Calero a após a demissão de Geddel.

A frase é uma reação à declaração do porta-voz do presidente Michel Temer, Alexandre Parola, que disse ontem ter ficado “surpreso” com os “boatos” de que Calero pedira a audiência com Temer para gravar “clandestinamente” o diálogo que se seguiu entre eles.

Depois de acusar a cúpula do governo de tentar pressioná-lo a liberar uma obra de interesse pessoal de Geddel, Calero entregou à Polícia Federal gravações das conversas que teve sobre o assunto com Temer, com o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, e com o próprio Geddel. Em depoimento à PF, o ex-ministro narrou detalhes de como Temer e seus dois principais ministros teriam tentado forçá-lo a liberar a construção de um prédio residencial em uma região tombada pelo patrimônio histórico em Salvador. O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, subordinado a Calero, havia embargado a obra.

Além de gravar Temer e seus dois ministros de confiança, o ex-ministro da Cultura registrou as conversas que teve com dois auxiliares do presidente. O próprio Palácio do Planalto obteve a confirmação da existência dos áudios. “As gravações não são de boa qualidade, porque foram feitas com um aparelho que aparentemente estava no bolso do Calero”, disse um ministro palaciano a VEJA.

Confira na íntegra a nota publicada por Calero:

“A respeito de informações disseminadas, a partir do Palácio do Planalto, de que eu teria solicitado audiência com o presidente Michel Temer no intuito de gravar conversa no Gabinete Presidencial, esclareço que isso não ocorreu. Durante minha trajetória na carreira diplomática e política, nunca agi de má fé ou de maneira ardilosa. No episódio que agora se torna público, cumpri minha obrigação como cidadão brasileiro que não compactua com o ilícito e que age respeitando e valorizando as instituições.”

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Mauro Eduardo Sales

    Os esquerdopatas e a turma do “quanto pior, melhor” veio quase toda ela comentar aqui, felicitando o ex-ministro pelo passa-moleque perfeito que aplicou nos bobões peemedebistas.

    Curtir

  2. Mairipora Peixoto

    CALERO VAI TRABALHAR NA RECORD, VIROU CELEBRIDADE!

    Curtir

  3. A mídia brasileira deveria dar uma atenção especial e um belo elogio à este sr brasileiro .

    Curtir

  4. Mas infelizmente a relação é ingrata e amarga: para cada 1 Calero,existem 200 Gedel! É dureza.

    Parabens pela coragem de não compactuar com a velha e permanente política brasileira.

    Curtir

  5. Richard Madison

    Calero Me represneta.!!!!! Quem acha normal, nao me representa!!!! Acabou as eleiçoes para prefeitos né?
    Se Aecin e FHC, falam que tem que ter paciencia. tamos perdidos. Ate 31 12 2018. Pode corrupçao Ativa e Passiva. Depois, ele spensam que poderão ajeitar….Fora TEMER

    Curtir

  6. Hugo Prado Franzen

    Os políticos que conversaram com Calero achavam que podiam confiar nele porque ele era da mesma laia que eles. Ele por sua vez sabia que eles eram de uma laia pior. Foi prevenido e deixou de ser o boi de piranha. O fracassado concorrente da Dilma disse que ele tem que ser investigado.Realmente ele só fala caca. Aécio nunca mais!

    Curtir

  7. Elza Helena Oliveira

    ganhou quanto para fazer essa palhaçada,quem não te conhece?

    Curtir