Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Ministério Público deflagra operação contra fraude no comércio de carvão vegetal

Organização criminosa desmatou o equivalente a 15.000 campos de futebol

Por Da Redação
13 set 2011, 10h43

Na manhã desta terça-feira, o Ministério Público de Minas Gerais deflagrou a Operação Corcel Negro II. O objetivo dos agentes é desmantelar uma organização criminosa que atua na produção e no tráfico de carvão vegetal. A quadrilha desmatou o equivalente a 15.000 campos de futebol de cerrado para produzir 48.000 metros cúbicos de carvão vegetal. Segundo o MP, os prejuízos alcançam a soma de 60 milhões de reais.

A organização criminosa domina os setores da produção de ferro-gusa e de carvão vegetal em vários estados. Nesta terça-feira, as ações são realizadas em Belo Horizonte, Sete Lagoas, Matozinhos, Juatuba, Matheus Leme e Capim Branco, municípios mineiros. Para dar legitimidade ao transporte e comércio de carvão vegetal ilícito, os criminosos aproveitavam a conivência de servidores públicos para falsificar notas fiscais e outros documentos destinados à fiscalização ambiental.

Durante a Operação Corcel Negro I, deflagrada em 22 de julho, os policiais descobriram que uma siderúrgica pertencente a uma família mineira amplamente conhecida no ramo empresarial funcionava em nome de laranjas. O nome da família não foi divulgado pelo Ministério Público. Tal organização possui ramificações em paraísos fiscais. As empresas da família foram cautelarmente sequestradas por ordem judicial. O mesmo destino tiveram as contas bancárias, os imóveis e outros bens dos envolvidos. Ainda hoje serão cumpridos mandados de prisão e de busca e apreensão.

(Com Agência Estado)

Continua após a publicidade

LEIA TAMBÉM:

Siderúrgicas são suspensas por suposta venda ilegal

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.