Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Justiça adia inauguração de shopping em São Paulo

Liminar condiciona início das atividades do Shopping Iguatemi JK a obras que diminuam o impacto do empreendimento no trânsito do Itaim Bibi, na zona oeste de SP. Construtora afirma que parte das obras já foram concluídas

A ausência de contrapartidas para diminuir o trânsito local fez com que a Justiça impedisse a inauguração de um novo shopping na capital paulista. Em decisão liminar, o desembargador Vicente de Abreu Amadei condicionou o início das atividades do Shopping Iguatemi JK à definição de obras que minimizem o impacto do empreendimento ao já comprometido tráfego do Itaim Bibi, na Zona Oeste de São Paulo. A previsão era de que o shopping fosse inaugurado em abril. A multa em caso de desobediência é de 500 000 reais ao dia.

Com quatro pisos de lojas e três de garagens, o Iguatemi JK pretende ser o mais luxuoso e, em espaço físico, o segundo maior da cidade. O shopping está localizado no entroncamento das avenidas Presidente Juscelino Kubitschek e Nações Unidas – a Marginal Pinheiros -, terá área construída de 401.000 metros quadrados e contará com mais de 7.700 vagas de estacionamento, segundo o Ministério Público (MP). A construção faz parte de um complexo multiuso que inclui ainda duas torres de escritórios.

A liminar é resposta a uma ação civil pública movida em fevereiro pelo MP. Para a promotora de Justiça de Habitação e Urbanismo Stela Tinone Kuba, responsável pelo processo, a carência de projetos de infraestrutura para amenizar o impacto do empreendimento pode acarretar prejuízos “extremamente graves” ao trânsito do bairro.

“O WTorre JK obviamente se caracteriza como um polo gerador de tráfego por ser um megacomplexo comercial e de serviços”, observa a promotora no texto da ação. Segundo ela, é necessário exigir contrapartidas da incorporadora. “O empreendimento atrai extraordinário número de viagens, impactando negativamente a circulação viária em seu entorno, chegando em alguns casos a prejudicar a acessibilidade de toda uma região, além da segurança de veículos e pedestres.” São Paulo dispõe, atualmente, de 200 shopping centers.

Outro lado – A WTorre informou, por meio de nota, que está executando o conjunto de obras definidas com as autoridades, sendo que várias delas já teriam sido concluídas. A empresa afirmou ainda que novas obras que serão realizadas na região estão em fase de aprovação para serem iniciadas. O Grupo Iguatemi e a WTorre informaram que levarão à Justiça todos os esclarecimentos necessários a respeito do tema.