Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

João Dias é detido novamente em Brasília

Delator do esquema de corrupção na capital federal tentava entrar no Palácio do Buriti para conversar com governador Agnelo Queiroz

O policial militar João Dias, delator do esquema de corrupção no governo do Distrito Federal, foi detido novamente nesta quinta-feira. O soldado tentava entrar no Palácio do Buriti, sede do poder Executivo local, e pedia para conversar com o governador Agnelo Queiroz (PT). Dias foi impedido de ingressar no Palácio e acabou levado a um batalhão da Polícia Militar. Ele deve ser liberado em seguida.

A assessoria do governo confirmou o incidente, mas não deu detalhes sobre o episódio. A Polícia Militar do Distrito Federal se recusou a comentar o caso.

Na semana passada, João Dias foi preso quando entrou no Palácio do Buriti e espalhou 200.000 reais no gabinete do secretário de governo, Paulo Tadeu. O delator dizia ter recebido o dinheiro de emissários do secretário, que estariam tentando comprar seu silêncio. Em depoimento obtido por VEJA, o policial militar deu informações sobre o esquema de corrupção na capital federal.