Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ibope em SP: só a rejeição ao PT mudou – para pior

Pesquisa mostra que o cenário eleitoral em São Paulo segue inalterado; já a rejeição a Alexandre Padilha, do PT, saltou de 19% para 26%

A nova rodada de pesquisas feita pelo instituto Ibope divulgada nesta terça-feira indica que a única alteração no cenário eleitoral em São Paulo no período de um mês foi o crescimento da rejeição à candidatura de Alexandre Padilha (PT) – saltou de 19% para 26%. Segundo o levantamento, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) seria reeleito no primeiro turno, com 50% das intenções de votos. A pesquisa foi encomendada pela Rede Globo e pelo jornal O Estado de S. Paulo.

O levantamento mostra que Paulo Skaf, do PMDB, conseguiu arrebanhar parte dos votos de eleitores que estavam indecisos, pretendiam votar em branco ou nulo ou cuja preferência era por algum candidato nanico. Skaf subiu de 11% das intenções de voto para 20%. Padilha segue estacionado nos 5%.

A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo 00017/2014. Conforme os dados registrados, foram ouvidos 1.512 eleitores, nos dias 23 e 26 de agosto.

Leia também:

Veja os números da pesquisa anterior