Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Guerrilheiro da CUT promove ato em defesa de Dirceu

Vagner Freitas, o sindicalista que ameaçou sair às ruas armado se a presidente Dilma Rousseff perder o cargo, fez neste domingo o que nem o Partido dos Trabalhadores teve coragem: convocar um ato em desagravo ao ex-ministro José Dirceu e ao ex-tesoureiro da sigla João Vaccari Neto, ambos presos pela Operação Lava Jato da Polícia Federal. “São guerreiros do povo brasileiro”, disse o presidente da CUT. Em seguida, foi aplaudido pelos sindicalistas que ganharam um kit protesto e churrasquinho na porta do Instituto Lula. O secretário municipal do Trabalho, Artur Henrique, que também é ex-presidente da CUT, citou a dupla do petrolão como “dois companheiros que infelizmente não podem estar aqui hoje”. (Eduardo Gonçalves, de São Paulo)