Clique e assine com até 92% de desconto

FAB encontra dois corpos dentro de bimotor no Pará

Os mortos serão levados para o Instituto Médico-Legal (IML) de Itaituba, para reconhecimento. Não há informações sobre o sexo das vítimas

Por Da Redação 26 abr 2014, 13h14

Equipes de resgate encontraram dois corpos dentro da cabine do bimotor Beechcraft BE 58 Baron, localizado nesta terça-feira, 22, depois de 36 dias desaparecido. Segundo a assessoria de comunicação da Força Aérea Brasileira (FAB), os corpos serão levados neste domingo para o Instituto Médico-Legal (IML) de Itaituba, no Pará, para reconhecimento. Não há informações sobre o sexo das vítimas encontradas.

Leia também:

Bimotor desaparecido há 36 dias é encontrado no Pará

Profissionais trabalham no resgate dos cinco passageiros da aeronave desde quarta-feira, mas apenas neste sábado conseguiram chegar ao interior da cabine, por causa das condições adversas do local. A procura por outras vítimas dentro do avião continua amanhã. Além do resgate, uma equipe do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) está no local para investigar as causas do acidente.

A aeronave de prefixo PR-LMN, pertencente à empresa Jotan Taxi Aéreo e prestava serviço à Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), ligada ao Ministério da Saúde. De acordo com a pasta, estavam a bordo as técnicas de enfermagem Rayline Sabrina Brito Campos, Luciney Aguiar de Sousa e Raimunda Lúcia da Silva Costa, o motorista Ari Lima e o piloto Luiz Feltrin. As funcionárias da Sesai substituiriam outro grupo que fazia atendimento em uma aldeia Munduruku na região.

O acidente – O avião, que decolou de Itaituaba e pousaria em Jacareacanga (PA), caiu 20 km a noroeste do destino final. No último contato com a torre de controle, o piloto comunicou sobre a falha nos dois motores. Rayline chegou a mandar, durante o voo, uma mensagem de texto para um tio avisando sobre a pane e pedindo socorro. A aeronave foi encontrada por garimpeiros que passavam no local e viram o bimotor enterrado no solo, somente com a cauda para fora.

(Com Agência Brasil)

Continua após a publicidade
Publicidade