Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Ex-secretário de Cabral é preso novamente em operação da Lava Jato

Régis Fichtner foi chefe da Casa Civil e um dos principais aliados do ex-governador; suspeito de ser operador financeiro, coronel da PM também foi detido

Por Da Redação Atualizado em 15 fev 2019, 08h54 - Publicado em 15 fev 2019, 06h33

Uma operação da Lava Jato na manhã desta sexta-feira, 15, prendeu o advogado Régis Fichtner, ex-chefe da Casa Civil do governo de Sérgio Cabral no Rio de Janeiro. Fichtner foi preso anteriormente em novembro de 2017, mas conseguiu um habeas corpus uma semana depois e estava em liberdade desde então.

Ele é alvo de uma investigação sobre pagamentos de propinas envolvendo doleiros durante sua gestão como secretário. Diversas delações sobre esquemas atribuídos ao governo de Cabral mencionam envolvimento de Fichtner. A Polícia Federal localizou o ex-secretário na própria casa, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Também foi preso o coronel da Polícia Militar Fernando França Martins – acusado de fazer operações financeiras para Fitchner, que já havia sido preso em novembro de 2017, durante a Operação C’Est Fini, mas foi solto.

Segundo o Ministério Público Federal (MPF), a nova prisão preventiva foi motivada pelo fato de que, segundo os procuradores da República que integram a força-tarefa da Operação Lava Jato no Rio, Fichtner ainda tem patrimônio ocultado e há indícios de sua atuação para destruir provas.

O advogado foi um dos principais aliados de Cabral em seus dois mandatos como governador do Rio de Janeiro, entre 2007 e 2014.

(Com Agência Brasil)

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)