Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

“Eu não sou coveiro”, responde Bolsonaro a jornalista na porta do Alvorada

A declaração foi dada no fim da tarde, quando o presidente foi indagado sobre o número de vítimas da Covid-19

Por Da Redação Atualizado em 20 abr 2020, 22h15 - Publicado em 20 abr 2020, 20h41

O presidente Jair Bolsonaro fez mais uma declaração desastrada sobre as vítimas do novo coronavírus. Ele se irritou com a pergunta de um jornalista que indagou se ele sabia o número de mortes registradas nas últimas 24 horas no país. “Eu não sou coveiro!”, afirmou o presidente.

O episódio aconteceu no fim da tarde, em sua habitual parada para falar com apoiadores e a imprensa, na porta do Palácio da Alvorada.

No momento da entrevista, o Ministério da Saúde ainda não havia corrigido o número de mortos, divulgado com um erro nesta segunda-feira 20. Inicialmente, o órgão, que acaba de ser assumido por Nelson Teich, havia registrado 383 novas mortes, o que seria um novo recorde diário. Pouco depois, a pasta voltou atrás e divulgou um número bem menor, de 113 óbitos.

Publicidade