Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Equipe de Bolsonaro altera agenda em Israel e antecipa retorno ao Brasil

Presidente iria viajar para encontrar brasileiros, mas convocações de protestos contra e a favor do seu governo geraram preocupação

A equipe de Jair Bolsonaro decidiu alterar a agenda oficial do presidente em Israel e cancelou um encontro com a comunidade brasileira da cidade de Raanana, confirmou o porta-voz da Presidência, general Otávio Rêgo Barros, nesta terça-feira, 2.

Após a mudança, foi decidido que presidente se reunirá com os moradores ainda hoje, no hotel em que está hospedado em Jerusalém. A cidade tem por volta de 400 famílias de brasileiros e está localizada a aproximadamente 20 quilômetros de Tel -Aviv.

“Por questões logísticas, nós estamos trazendo cerca de 25 brasileiros que moram naquela comunidade” para Jerusalém, afirmou o porta-voz. O general também confirmou que a mudança deve antecipar o retorno da comitiva para o Brasil, “visto que no dia seguinte ele já tem agendada uma série de encontros com parlamentares visando ao nosso objetivo principal nesse momento, que é o andamento mais célere da nossa nova Presidência”.

A comunidade de Raanana usou as redes sociais para fazer uma grande convocação de público para o evento. Reuniões de apoiadores do presidente e protestos de opositores haviam sido marcados para o horário da visita. Temia-se que não fosse possível manter o controle e a segurança do presidente.

A volta de Bolsonaro para o Brasil estava prevista para as 11h40 de quarta-feira, 3, do horário local (5h40 em Brasília). Segundo a Presidência, após as mudanças, o avião presidencial deve deixar o aeroporto Ben Gurion, em Tel-Aviv, por volta das 9 horas, e pousar em Brasília nas primeiras horas de quinta-feira, 4.

Convocação de brasileiros para visita de Jair Bolsonaro a Raanana

Convocação de brasileiros para visita de Jair Bolsonaro a Raanana (Reprodução/VEJA)