Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Doria desiste de manter carro alugado pela Prefeitura

Embora tucano tivesse prometido usar automóveis particulares, por economia, Prefeitura alugava veículo blindado para ele; a justificativa era segurança

O prefeito João Doria (PSDB) decidiu, na tarde desta quarta-feira, que abrirá mão de manter carros blindados alugados pela Prefeitura de São Paulo para seus deslocamentos. Embora ele tivesse prometido usar seus automóveis particulares durante o trabalho, sob argumento da economia, a Prefeitura vinha mantendo alugado um veículo blindado para ele e gastou, em janeiro, 10,9 mil reais com o carro.

A justificativa para a manutenção do veículo era segurança. A decisão de desistir do carro veio depois da divulgação dos gastos do poder público para a manutenção do veículo. Doria optou por abrir mão do blindado mesmo com recomendação contrária de sua equipe de segurança, que queria o carro à disposição para eventualidades.

A informação foi repassada pela chefia de gabinete da Secretaria Executiva de Comunicação. O aluguel do automóvel será rescindido. Reportagem publicada nesta quarta-feira tratou dos gastos da Prefeitura com essa atividade, baseada em informações do Diário Oficial, apontavam liberação de gastos de 24,5 mil reais com o aluguel de dois carros blindados.

A Prefeitura, ainda nesta tarde, ao justificar os contratos, retificou os valores informados: disse que, desse total, 10,9 mil reais haviam de fato saído dos cofres públicos. Foi para pagar um dos automóveis, uma vez que o contrato do segundo havia sido cancelado em 6 de janeiro, embora os recursos para pagar o aluguel tivessem sido empenhados (liberados para gasto).

Agora, o prefeito optou por cancelar também o segundo contrato e passará a usar apenas seus carros particulares para os deslocamentos oficiais, como havia prometido ainda em dezembro, antes de tomar posse.

(Estadão Conteúdo)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Fabio Marcel

    Diretor dá veja: Precisamos falar mal do Dória
    Jornalista: Não dá chefe, ele acabou de economizar 24mil para a prefeitura…
    Diretor: Tai vamos dar a entender que isso é ruim
    Diretor: Demitam esse jornalista incompetente
    Imprensa Brasileira kkk

    Curtir

  2. Não deram a notícia completa. Esqueceram de dizer que o contrato vigia desde a gestão passada, e que Dória cortou 90% dá verba com aluguel. Mídia lixo.

    Curtir

  3. Nelson Marchetto

    A promessa era de privatizações e “AUSTERIDADE” então, carro próprio ou UBER é mais barato. Aproveitando, que tal ao invés das selfie’s e vídeos ele começar a rever as “FAIXAS DE CICLISTAS” idiotas, na maioria em ruas com ladeiras ingrimes e portas de comércio que poderiam render “algum” para a prefeitura em “parquímetros”? Bairros da Zona Sul tem muitas ruas nessas condições, ruas estreitas algumas com buracos e com aquela tinta vermelha do “pt” atrapalhando a vida do comércio, moradores e promovendo congestionamentos!!!

    Curtir

  4. Valdemar Prestes

    Veja, imprensa marron, jornaleco de quinta categoria. Pena era uma ótima revista.

    Curtir

  5. 999justforfun

    O “trabalho” dos meios de comunicação de cabresto não é informar, mas desinformar, repassar fake news fabricados pela mainstream media.
    O “trabalho” deles sempre foi “tentar” controlar o que a massa pensa.
    Brexit, Trump, Doria, etc. são sinais de que, hoje, a maioria é mais inteligente que redatores medíocres que se sujeitam a este tipo de descaminho moral.

    Curtir

  6. deuses nerdicos número 18

    Veja esta revista qure já foi sinônimo
    De credibilidade jornalística,agora se presta a isto muda a entonação do titulo para chamar a atenção à suas matérias,essas corruptelas mostra a decadência dos balores impostos ao brasil pela mídia,e reflete a subserviência da midia em geral aos partidos (corruptos)politico

    Curtir

  7. Leitor Aleatório

    Estão fazendo com o Dória o que a CNN faz com o Trump. A Veja está se tornando um jornaleco de Very fake news…

    Curtir

  8. Carlos Henrique Buchignani

    Eu já não sei se estou na Veja ou no Brasil247. Vocês perderam a vergonha mesmo hein…

    Curtir

  9. Ademilson Ribeiro

    Fico feliz em constatar que esses ataques gratuitos, com temas de reportagens tendenciosas, só estão ajudando a opinião pública a ficar de olho na 1mpr3nsa, que insiste em rodar na contramão. Avante Dória! O Brasil precisa de pessoas como você!

    Curtir