Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dilma reage a Lula: ‘Todo mundo tem o direito de criticar’

No Rio, presidente da República rebate declarações de padrinho político e anuncia a dona da Magazine Luiza no comando da Autoridade Pública Olímpica

A presidente da República, Dilma Rousseff, reagiu nesta terça-feira à série de críticas feitas por seu antecessor e padrinho político, Luiz Inácio Lula da Silva, a ela, ao governo federal e ao PT. “Todo mundo tem o direito de criticar, mais ainda o presidente Lula, que é muito criticado por vocês [jornalistas]”, disse Dilma após participar de evento para promover os Jogos Olímpicos no Rio.

Leia mais:

Lula em momento de sinceridade: ‘PT só pensa em cargos’

Em meio à queda na popularidade de Dilma (65% acham seu desempenho ruim ou péssimo e 10%, bom ou ótimo, conforme o Datafolha) e aos avanços da Operação Lava Jato, que atingiu um núcleo de empreiteiros próximo ao ex-presidente e ao partido, Lula foi a público dizer que Dilma e ele mesmo “estão no volume morto” e que o PT está ainda mais abaixo. Nesta segunda, o ex-presidente emendou: “O PT perdeu um pouco a utopia. A gente só pensa em cargo, em emprego, em ser eleito, ninguém hoje trabalha mais de graça [pelo partido]”, disse Lula. “Temos de definir se queremos salvar a nossa pele e os nossos cargos ou salvar o nosso projeto?”.

Lula falou em “vícios” do partido e “defeitos” do governo e pregou uma renovação no PT e a reaproximação com a base social que fundou a legenda. Segundo o ex-presidente, os atuais integrantes da cúpula petista estão “velhos” e “cansados”.

APO – Na mesma cerimônia pública, a presidente Dilma anunciou uma substituição no comando das Olimpíadas. A empresária Luiza Trajano, dona da Magazine Luiza, assumirá o Comando da Autoridade Pública Olímpica (APO), entidade que coordena a preparação dos jogos com o governo Luiz Fernando Pezão e a prefeitura de Eduardo Paes, ambos do PMDB. Luiza sucederá o ex-presidente do Banco Central Henrique Meirelles.

(Da redação)