Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dilma formaliza recondução de Janot ao cargo de procurador-geral

Agora chefe do MP precisa passar por uma sabatina no Senado – onde pode enfrentar resistência

A presidente Dilma Rousseff formalizou nesta terça-feira a indicação de Rodrigo Janot para continuar à frente da Procuradoria-Geral da República (PGR). Em mensagem publicada no Diário Oficial da União (DOU), Dilma cita “encaminhamento ao Senado Federal, para apreciação, do nome do senhor Rodrigo Janot Monteiro de Barros para ser reconduzido ao cargo de procurador-geral da República”.

A indicação da recondução de Janot já havia sido anunciada no fim de semana pelo governo. Para permanecer no cargo, o procurador-geral precisa passar ainda por sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado e também ser aprovado pelo Plenário da Casa – onde corre o risco de ter seu nome barrado. Isso porque senadores como o presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL), e Fernando Collor (PTB-AL) são alvos de inquéritos da Operação Lava Jato.

Leia mais:

Câmara pede que seja anulada ação que teve Cunha como alvo na Lava Jato

(Com Estadão Conteúdo)