Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Deputado bilionário usa verba da Câmara para fazer upgrade em passagem aérea

Newton Cardoso (PMDB) gastou mais de 20.000 reais para viajar de primeira classe para Nova York

Por Da Redação - 22 dez 2013, 12h37

O deputado mineiro Newton Cardoso (PMDB) usou mais de 20.000 reais em verbas da Câmara para fazer um “upgrade” de uma passagem de classe econômica para uma de primeira classe em um voo para Nova York, no começo de dezembro. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

O gasto foi autorizado pelo diretor-geral do Senado, Sérgio Sampaio Contreiras de Almeida. Na ocasião, outros deputados viajaram para a cidade americana para participar de debates na 68ª reunião da Assembleia Geral. Com exceção de Cardoso, eles foram de classe econômica, com passagens que custaram cerca de 4.000 reais.

Leia também:

Deputado usou verba pública para abastecer helicóptero apreendido com drogas

Publicidade

Com a mudança de classe, o bilhete de Newton, conhecido como “Newtão”, alcançou 24.665,41 reais. A diferença, segundo o jornal, foi descontada da Cota para Exercício Parlamentar do deputado. Atualmente o valor mensal do “cotão” varia entre 27.900 reais e 41.600 reais, dependendo do estado do parlamentar. Newtão alegou que fez o upgrade por causa de uma exigência médica decorrente de problemas na coluna.

Em 2009, reportagem de VEJA revelou que, durante um processo de divórcio, sua então mulher afirmou à Justiça que o patrimônio do deputado, que já governou Minas Gerais entre 1987 e 1991, chegava a 2,5 bilhões de reais. Logo após a publicação, o deputado desmentiu os dados e afirmou que, na verdade, sua fortuna era muito superior.

Publicidade