Clique e assine a partir de 8,90/mês

Delator fica em silêncio em ação eleitoral contra Dilma

Por Da Redação - 17 set 2015, 20h05

O empreiteiro Ricardo Pessoa, dono da UTC Engenharia, permaneceu em silêncio ao prestar depoimento nesta quarta-feira na ação eleitoral que trata de irregularidades atribuídas à campanha da petista Dilma Rousseff em 2014 e que pode levar à abertura de um processo de cassação contra a petista. Além de não produzir prova contra si mesmo, o empreiteiro alegou que trechos de sua delação premiada ainda estão sob sigilo e qualquer declaração sobre políticos poderia colocar em risco seu acordo com o Ministério Público. Entre as declarações que já deu à força-tarefa da Lava Jato, o empresário disse ter repassado 7,5 milhões de reais para a campanha à reeleição de Dilma a partir de dinheiro desviado da Petrobras. Na terça-feira, Pessoa afirmou à CPI da Petrobras que pagou 20.251.000 de reais ao PT em dez anos, de 2004 a 2014, como propina vinculada a contratos da estatal. (Laryssa Borges, de Brasília)

Publicidade