Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cunha chama Temer e Lula como suas testemunhas na Lava Jato

Ao todo, o ex-presidente da Câmara dos Deputados, preso na sede da Polícia Federal desde 19 de outubro, convocou 22 testemunhas para sua defesa

O ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) chamou o presidente Michel Temer (PMDB) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) como suas testemunhas de defesa em ação penal na Operação Lava Jato. Temer e Lula fazem parte de um rol de 22 testemunhas convocadas pelo ex-presidente da Câmara dos Deputados.

Cunha está preso preventivamente na Superintendência da Polícia Federalem Curitiba, desde o dia 19 de outubro por decisão do juiz Sergio Moro, responsável pelos processos da Lava Jato em primeira instância. O ex-parlamentar é acusado de corrupção, lavagem de dinheiro, evasão fraudulenta de divisas pela manutenção de contas ilegais na Suíça que teriam recebido propina do esquema na Petrobras.

As investigações revelam a existência de contas secretas na Suíça e  que o empresário Idalécio de Castro Rodrigues de Oliveira pagou propina ao ex-deputado para ser beneficiado em um contrato de aquisição dos direitos de participação na exploração de um campo de petróleo no Benin, na África. Ao todo, Cunha teria recebido 1,311 milhão de francos suíços, o equivalente a 1,5 milhão de dólares. Na transação, o ex-diretor da Área Internacional da Petrobras Jorge Zelada teria atuado como intermediário no acerto dos valores.

LEIA TAMBÉM:
Cláudia Cruz e filhos visitam Cunha na PF em Curitiba
BC multa Eduardo Cunha e mulher em R$ 1,13 milhão por não declarar recursos no exterior
Cunha: ‘Prisão é absurda e sem motivação’

O documento de 68 páginas apresentado pelos advogados do ex-parlamentar também convoca como testemunhas o ex-diretor da área Internacional da Petrobras Nestor Cerveró, os ex-ministros Henrique Alves (Turismo), Mauro Lopes (Aviação Civil), o ex-deputado João Paulo Cunha (PT), o pecuarista José Carlos Bumlai, o economista Felipe Diniz, filho do ex-líder do PMDB na Câmara Fernando Diniz, o vice-governador de Minas Gerais, Antônio Eustáquio Andrade Ferreira (PMDB), os deputados federais Leonardo Quintão (PMDB-MG), Saraiva Felipe (PMDB-MG), o deputado estadual João Magalhães (PMDB-MG) e Nelson Tadeu Filipelli (PMDB-DF).

O ex-senador Delcídio Amaral, o ex-gerente da área Internacional Pedro Augusto Cortes Xavier Bastos, o professor de direito José Tadeu de Chiara, o lobista Hamylton Padilha, o ex-funcionário da Petrobras Sócrates José Fernandes Marques da Silva, Mary Kiyonaga e Elisa Mailhos, funcionárias do Banco Merril Lynch, também fazem parte do rol de testemunhas.

Confira a lista com as 22 testemunhas convocadas pela defesa de Cunha:

1 – Michel Miguel Elias Temer Lulia

2 – Felipe Bernardi Capistrano Diniz

3 – Henrique Eduardo Lyra Alves

4 – Antônio Eustáquio Andrade Ferreira

5 – Mauro Ribeiro Lopes

6 – Leonardo Lemos Barros Quintão

7 – José Saraiva Felipe

8 – João Lúcio Magalhães Bifano

9 – Nelson Tadeu Filipelli

10 – Benício Schettini Frazão

11 – Pedro Augusto Cortes Xavier Bastos

12 – Sócrates José Fernandes Marques da Silva

13 – Delcídio do Amaral Gómez

14 – Mary Kiyonaga (funcionária do Banco Merril Lynch, Genebra)

15 – Elisa Mailhos (funcionária do Banco Merril Lynch, Genebra)

16 – Luis Maria Pineyrua (representante da Posadas & Vecino, Consultores Internacionales Inc.)

17 – Nestor Cuñat Cerveró

18 – João Paulo Cunha

19 – Hamylton Pinheiro Padilha Júnior

20 – Luís Inácio Lula da Silva

21 – José Carlos da Costa Marques Bumlai

22 – José Tadeu de Chiara

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Fabio Martins

    Ele quer enrolar todos os convocados como testemunha… ja que nao o ajudaram antes agora uns falarão a verdade e outros mentira e todos afundarão juntos na lama… o povo acha isso muito bom.

    Curtir

  2. George Brandão

    Este BANDIDO usa chantagem como ferramenta para intimidar a todos e tentar se livrar da cadeia. Artifício vil, de um psicopata que não merece quaisquer benefícios advindos de delação. Este lixo merece apodrecer na cadeia assim como todos os membros desta família de criminosos usurpadores do dinheiro o qual é fruto de assaltos ao erário público.

    Curtir

  3. José Roberto

    Isso é simplesmente uma “pegadinha” para comprometer o presidente Temer, visto que o presidente referendou as ações da Lava a Jato. O presidente não deve cair nessa, pois é uma armadilha forjada com a oposição.

    Curtir

  4. Januario Neto Souza Neto

    Pronto Sergio Moro quiz ser o caçador da esquerda, perseguidor do Lula, agora teus aliados da direita quase todos bandidos estão mais enrolados do que nunca, quero ver tu usar dois pesos e duas medidas como descaradamente vem usando para defender tua gangue de apoiadores juiz seletivo, antiético, antiprofissional.

    Curtir

  5. Marc Guima Olivei

    Grande chance de prender os três.

    Curtir

  6. Marc Guima Olivei

    Tem que prender também o Januário Neto Souza Neto. Ele tá perdido.

    Curtir

  7. Mais um motivo para o Lula se descabelar. Ele faz de tudo para não encarar o Juiz Moro e agora vai ter que ficar frente a frente com ele. Qual será a alegação do Lula para fugir desta vez?

    Curtir

  8. Fábio Luís Inaimo

    Janú, o Sr veio de outro planeta ou só gosta mesmo é de ser burro e teimoso !?

    Curtir

  9. Cidnei Clementino de Alencar

    O juiz Sérgio Moro tem que “OBRIGAR” esse CANCRO cÚNHA a abrir o “bico” e falar todas as “FAL•CA•TRU•AS” que ele sabe desses políticos CANALHAS, CORRUPTOS, LADRÕES e, que ele mantém “ÀS ESCONDIDAS”!
    Mas, será que o juiz Sérgio Moro realmente fará isto? Terá ele “peito”? Ou, estará ele já preparando a “soltura” do CANALHA, MALDITO, CORRUPTO cÚNHA?!?
    A “única” solução que resta para o Brasil é, nós “BRASILEIROS EXIGIRMOS” que as “FORÇAS ARMADAS” façam uma INTERVENÇÃO MILITAR CONSTITUCIONAL. “U•R•G•E•N•T•E”!!!

    Curtir