Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cid Gomes vai pedir impeachment de Michel Temer

Ex-governador do Ceará e ex-ministro da Educação do governo Dilma, Gomes vai enumerar seis casos em que Temer e o PMDB podem ter cometido crimes de responsabilidade

O ex-governador do Ceará Cid Gomes (PDT) e ex-ministro da Educação no governo Dilma pretende apresentar ainda hoje, às 16 horas, um pedido de impeachment na Câmara dos Deputados contra o vice-presidente Michel Temer (PMDB) por crime de responsabilidade.

Na peça, Gomes vai elencar seis situações em que o vice-presidente ou o PMDB foram citados na Operação Lava Jato que poderiam configurar crime de responsabilidade. Um dos casos citados foi o da mensagem do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), encontrada no celular apreendido de Leo Pinheiro, dono da OAS. Segundo o Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, Cunha “cobrou Leo Pinheiro por ter pago, de uma vez, para Michel Temer a quantia de 5 milhões de reais, tendo adiado os compromissos com a ‘turma'”.

Gomes deixou de fora a questão das pedaladas fiscais por não considerá-las crime de responsabilidade.

LEIA MAIS:

Agenda econômica de eventual governo Temer já divide o PMDB