Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Campanha nem começou, mas Maluf já foi multado

Por Da Redação 11 fev 2014, 18h52

A campanha eleitoral deste ano começará (oficialmente) apenas em julho, mas o deputado federal Paulo Maluf (PP-SP) já foi condenado – por propaganda antecipada. Ele terá de pagar multa de 5.000 reais – valor baixo se comparado às somas que o ex-prefeito já foi obrigado a devolver aos cofres públicos. No entender do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Maluf pediu votos em novembro do ano passado. Ele havia sido condenado por improbidade administrativa pelo Tribunal de Justiça de São Paulo. Questionado em entrevista do portal UOL se ficaria inelegível por força da Lei da Ficha Limpa, Maluf perguntou à entrevistadora onde ela votava. Quando a jornalista disse que seu domicílio eleitoral era em São Paulo, Maluf sugeriu: “Veja, então, o meu número é 1111. (sic) Te convido a votar num bom candidato, que sou eu”. O parlamentar ainda pode recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Leia também:

Leia também: Maluf: trajetória política marcada por escândalos

Publicidade