Clique e assine a partir de 9,90/mês

Bolsonaro vai sobrevoar áreas atingidas por chuvas em Minas Gerais

Saída de Brasília rumo a Belo Horizonte está programada para a tarde desta quinta; mais de 100 municípios mineiros estão em situação de emergência

Por Da Redação - Atualizado em 30 jan 2020, 11h01 - Publicado em 30 jan 2020, 09h25

O presidente Jair Bolsonaro sobrevoará nesta quinta-feira, 30, áreas afetadas pelas chuvas em Minas Gerais. A saída de Brasília rumo a Belo Horizonte está programada para as 13h, segundo a agenda oficial.

Mais de 100 municípios do estado tiveram situação de emergência decretada em decorrência dos estragos causados, incluindo alagamentos, desmoronamento de construções, transbordamento de rios e deslizamento de terra. As chuvas já provocaram 55 mortes no estado.

De acordo com o último boletim divulgado pela Defesa Civil estadual, o maior número de óbitos foi registrado em Belo Horizonte (treze). Em seguida, vêm Betim (seis), Ibirité e Luisburgo (cinco, em cada). Quarenta e duas pessoas morreram soterradas e onze afogadas ou por outras causas, após serem arrastadas pelas águas.

O último levantamento indica que, em todo o estado, há 44.929 pessoas desalojadas, ou seja, que tiveram que deixar suas moradias e, provisoriamente, ir para a casa de parentes ou amigos. Além disso, 8.259 pessoas, sem ter para onde ir, buscaram abrigos, na maioria das vezes improvisados, em escolas ou igrejas.

Continua após a publicidade

No último domingo 26, o governo federal informou que foram disponibilizados 90 milhões de reais, de forma imediata, aos municípios atingidos por chuvas desde 17 de abril. Os recursos são procedentes do Ministério do Desenvolvimento Regional.

Previsão

A expectativa é que as chuvas deem uma trégua entre esta quinta-feira e o próximo sábado 1. “Nestes dias, a região da capital mineira terá mais horas de sol e tempo firme”, informa o site de meteorologia Climatempo. Em Belo Horizonte, podem ocorrer chuvas isoladas. Na região do Sul de Minas, Zona da Mata e Triângulo o próximos dois dias devem ter mais sol e menos pancadas de chuva. A partir do domingo 2, no entanto, as precipitações voltam a aumentar em Minas Gerais e Espírito Santo, alerta o Climatempo.

(Com Agência Brasil)

Publicidade