Clique e assine a partir de 9,90/mês

Bolsonaro apresenta boa evolução cirúrgica, informa hospital

Presidente passou por um procedimento para retirar bolsa de colostomia que usava desde que foi atacado com uma facada em Juiz de Fora

Por Giovanna Romano - Atualizado em 29 jan 2019, 11h49 - Publicado em 29 jan 2019, 10h39

O Hospital Albert Einstein, de São Paulo, informou que o presidente Jair Bolsonaro “apresenta boa evolução clínico-cirúrgica” após o procedimento para reversão da colostomia a que ele se submeteu na segunda-feira 28. O presidente está internado na Unidade de Terapia Intensiva e, por ordem médica, as visitas estão suspensas.

A cirurgia durou sete horas. Segundo o boletim médico, Bolsonaro não apresentou sangramentos ou qualquer outra complicação e também permanece sem febre ou “disfunções orgânicas”.

“[O presidente] mantém-se em jejum oral, recebendo analgésicos para controle de dor, hidratação endovenosa e medidas de prevenção de trombose venosa. A reintrodução da alimentação por via oral será avaliada diariamente e ocorrerá de forma
paulatina e no momento oportuno”, diz a nota do hospital.

Bolsonaro também se manifestou. “Agradeço a Deus por estar vivo, aos profissionais que cuidaram de mim até aqui e a todos vocês pelas orações! Estou bem”, disse, no Twitter.
https://twitter.com/jairbolsonaro/status/1090236909215981569
O procedimento teve como objetivo a retirada da bolsa de colostomia que Bolsonaro vinha utilizando desde que foi atacado com uma facada durante ato da campanha eleitoral em Juiz de Fora, em Minas Gerais, em setembro do ano passado.
Publicidade