Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Bolsonaro aparece à frente de Lula entre os eleitores do DF

Apesar da pandemia e do desempenho ruim da economia, o presidente segue forte no Centro-Oeste. Maioria da população do DF, no entanto, desaprova governo

Por Rafael Moraes Moura 6 jan 2022, 11h15

Se em pesquisas de intenção de voto divulgadas recentemente o presidente Jair Bolsonaro (PL) aparece bem atrás do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) a nível nacional, a situação em Brasília é mais favorável para o atual ocupante do Palácio do Planalto. Pesquisa feita pelo instituto Exata Opinião Pública mostra que Bolsonaro lidera as intenções de voto entre o eleitorado brasiliense com 29,9%, à frente de Lula (27,1%). O ex-juiz federal da Lava Jato e ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro aparece em terceiro lugar, com 11,3%, enquanto o eterno presidenciável Ciro Gomes (PDT) ocupa a quarta posição na preferência local, com apenas 7,9%.

A pesquisa, que realizou 4.629 entrevistas de 8 a 14 de dezembro, não é das mais favoráveis para o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), que amarga uma solitária sexta colocação, com apenas 2%, atrás até da ex-ministra do Meio Ambiente Marina Silva (Rede), que aparece com 3,5%.

Quando se trata do desempenho pessoal do presidente, no entanto, o levantamento mostra que 59,4% dos entrevistados desaprova a gestão do mandatário. A aprovação é de 36,4%. A margem de erro do levantamento é de 1.4 ponto percentual.

Conforme mostrou VEJA, o PT vive um amargo ocaso no Distrito Federal. O Partido dos Trabalhadores já ocupou o Palácio do Buriti duas vezes: nas gestões de Cristovam Buarque (1995-1999) e Agnelo Queiroz (2011-2015). Nenhum dos dois foi reeleito. Em 2014, Agnelo ficou de fora do segundo turno após uma gestão marcada por denúncias de corrupção e superfaturamento nas obras do Estádio Mané Garrincha, que custaram 1,8 bilhão de reais aos cofres públicos.

Continua após a publicidade

Publicidade