Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

As versões conflitantes sobre a nova casa da ex-mulher de Bolsonaro

Ana Cristina Valle diz que proprietário de imóvel é um ‘conhecido’. Empresário afirma que ‘não sabia nem quem era o inquilino’

Por Letícia Casado, Rafael Moraes Moura Atualizado em 28 ago 2021, 10h26 - Publicado em 28 ago 2021, 10h01

Ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro, a advogada Ana Cristina Valle está de casa nova em Brasília — um imóvel de 395 metros quadrados localizado no Lago Sul, bairro nobre da capital federal, onde vivem os mais abastados da classe política brasileira. Conforme revelou VEJA, a mãe de Jair Renan Bolsonaro, filho “zero quatro” do presidente, alugou a residência por 8.000 reais, valor próximo ao salário bruto que recebe pelo cargo de assessora da deputada federal Celina Leão (Progressistas-DF). As negociações imobiliárias do clã Bolsonaro costumam ser nebulosas e levantar desconfianças — e neste caso não é diferente. O dono do imóvel é o corretor-empresário Geraldo Antonio Machado, que mora a 35 quilômetros dali, em um endereço bem mais modesto na periferia de Brasília. Geraldo e Cristina apresentam versões conflitantes sobre o negócio — ela diz que o conhece, mas ele nega.

“Preferia Resende, lá tinha menos dor de cabeça”, desabafou a VEJA Cristina no último dia 16, enquanto retirava o lixo de casa. Indagada sobre o proprietário da casa, se limitou a dizer: “É um conhecido, amigo não.” Geraldo, no entanto, deu outra versão sobre a inquilina. “Eu não sabia nem quem era o inquilino. Não conheci a Cristina, não tenho contato com esse pessoal. Eu nem gosto de política”, disse o empresário. O próprio Geraldo apresentou diferentes planos sobre o que pretende fazer com o imóvel.

“Essa casa vou até vender, logo vou estar vendendo. Compro e vendo casas”, disse Geraldo, na primeira conversa com a reportagem. Dois dias depois, o corretor-empresário mudou a versão: “Comprei a casa para morar lá. Nesse período, estava vendendo outro imóvel meu, mas não consegui concretizar a venda. Como financiei a casa, recebi proposta de locação e loquei”. Levantamento feito por VEJA nos principais cartórios de Brasília identificou apenas um imóvel no nome de Geraldo — justamente a casa onde vive Cristina.

PECHINCHA - A casa: 395 metros de área construída num bairro de elite de Brasília e um aluguel que custa 8 000 reais por mês -
PECHINCHA - A casa: 395 metros de área construída num bairro de elite de Brasília e um aluguel que custa 8 000 reais por mês. Letícia Casado/.

Geraldo adquiriu o imóvel em 31 de maio deste ano. Poucas semanas depois, a casa já estava ocupada por Cristina. Segundo a ex-mulher de Jair Bolsonaro, ela achou o endereço  — um terreno de 800 metros quadrados, com piscina — “procurando, conversando”. “Foi a melhor oferta que eu pude pagar. A casa está detonada. Fiz o trato de fazer pequenas melhorias, por isso o aluguel foi baixo”, afirmou. Ainda que seja apenas inquilina, reformar a casa pode acabar sendo vantajoso para Cristina. Ela já disse a algumas pessoas que gostaria de comprar o imóvel.

Os vizinhos sabem que o filho “Zero Quatro” do presidente e a “Ana Cristina do Bolsonaro” vivem ali. Mãe e filho também dividem o nome da wifi da casa, “AnaIvanRenan” — Ivan é filho do primeiro casamento da assessora parlamentar.

Geraldo afirma que pretendia pedir inicialmente 12.000 reais pelo aluguel, mas acabou baixando o valor por uma “questão mais imediatista”, até conseguir se mudar. Segundo corretores, a quantia desembolsada pela ex-mulher do presidente é inferior ao cobrado em média na região –na faixa de 14.000 reais. Pelo menos para Cristina foi um ótimo negócio.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade