Clique e assine com 88% de desconto

As derrotas do governo Bolsonaro no Congresso

Thomas Traumann analisa a 'rivalidade' entre o Congresso Nacional e o ministro Sergio Moro

Por Da Redação - Atualizado em 3 out 2019, 19h26 - Publicado em 25 set 2019, 18h44

Enquanto o presidente viajava para discursar na ONU, os congressistas emplacaram várias derrotas para o governo Bolsonaro em geral e para o ministro Sergio Moro em particular. Na terça-feira, 24, os deputados federais e senadores derrubaram 18 vetos feitos por Jair Bolsonaro à lei de abuso de autoridade. O projeto endurece as punições por abuso de autoridade de agentes públicos, incluindo juízes, promotores e policiais. Moro havia sugerido os vetos a Bolsonaro para proteger especialmente promotores e juízes de algumas de suas decisões.

Nesta quarta, o grupo de trabalho da Câmara que analisa o pacote anticrime de Sergio Moro rejeitou por 9 votos a 5 a cláusula do excludente de licitude, que foi um dos temas mais comentados por Bolsonaro durante a campanha eleitoral.

Mas por que essa gana toda do Congresso com o ministro Sergio Moro?

Entenda neste episódio do podcast Traumann Traduz:

Publicidade