Clique e assine a partir de 9,90/mês

A crise interna do PSDB

Thomas Traumann analisa as causas da briga interna partidária entre os tucanos Bruno Covas e Aécio Neves

Por Da Redação - Atualizado em 3 out 2019, 19h49 - Publicado em 16 jul 2019, 18h22

O prefeito de São Paulo Bruno Covas fez um ultimato ao PSDB: ou o partido expulsa o deputado federal Aécio Neves ou ele sai do partido.

Mas por que o prefeito de capital paulista está tão preocupado com o parlamentar mineiro? Aécio é como um cadáver dentro do partido graças as denúncias contra ele, mostrando que o PSDB tem um discurso quando um adversário está sendo acusado, e outro quando é alguém da turma dele. Covas sabe que o eleitor não aceita mais este tipo de coisa. E não quer ser julgado por algo que outro político fez.

O jornalista Thomas Traumann analisa o caso neste episódio do podcast Traumann Traduz:

Publicidade