Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Velhinhos em ação na Inglaterra e no Japão

Teddy Sheringham, ex-Manchester United e Seleção Inglesa nos anos 1990, se prepara para voltar aos gramados aos 49 anos, enquanto o japonês Kazu, ex-Santos, de 48 anos, renovou seu contrato por mais uma temporada no Yokohama

No último mês de novembro, dois veteranos do futebol, ou velhinhos mesmo, entraram em cena: o inglês Teddy Sheringham, ex-Manchester United no final dos anos 1990, e o japonês Kazuyoshi Miura, mais conhecido aqui no Brasil como Kazu na década de 1980.

Sheringham, que se aposentou aos 42 anos, atuando Colchester-ING, tornou-se treinador do Stevenage nesta atual temporada (2015/16), na quarta divisão inglesa. Agora o clube registrou o atacante de 49 anos para tentar tirar a equipe das últimas colocações. No ano passado, o Stevenage fez algo semelhante, quando registrou o assistente técnico Dave Beasant, de 56 anos, para ser goleiro reserva do time.

Já o japonês Kazu renovou seu contrato com o Yokohama FC, do Japão, por mais uma temporada. Atualmente com 48 anos, o Rei Kazu, é o jogador mais velho em atividade no futebol mundial. Recordista no Japão ao marcar um gol com 48 anos, quatro meses e dois dias, Kazu tem uma forte ligação com o futebol brasileiro, onde chegou em 1984, com 17 anos para jogar no Juventus, de São Paulo. No ano seguinte, já no XV de Jaú,Kazu fez sua estreia como profissional. Depois disso, rodou por Santos e Matsubara-PR (1986), Palmeiras e CRB (1987), Coritiba (1988 e 1989, quando foi campeão paranaense) e novamente Santos (1990 – 29 jogos e 4 gols).

Kazu voltou ao Japão para se tornar uma das maiores lendas do futebol nipônico. Com 89 jogos e 55 gols pela sua Seleção, Kazu foi bicampeão pelo Yomiuri, antes da criação da J-League. Depois, em 1994, tornou-se o primeiro japonês a atuar pelo Campeonato Italiano, jogando pelo Genoa. Com passagens ainda pelo Croácia Zagreb, em 1999, e pelo Sydney FC, da Austrália, no Mundial de Clubes de 2005, Kazu ainda aventurou-se nofutsal, onde jogou a Copa do Mundo de 2012, na Tailândia. No Yokohama FC desde 2005, Kazu completará 49 anos em fevereiro de 2016 e com chance de, quem sabe, chegar aos 50 anos atuando profissionalmente, ficando próximo do recorde de Neil McBain, que fez jogo um pelo New Brighton, em 1947, com 52 anos e 4 meses.