Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
CLIQUE E RECEBA A REVISTA EM CASA A PARTIR DE R$14,90/MÊS Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90

TV Brasil transmite a final da Copa Placar de Seleções Estaduais Sub-20 nesta sexta (18)

São Paulo e do Rio de Janeiro se enfrentam no Estádio Novelli Jr, em Itu

Por Redação PLACAR Atualizado em 2 mar 2017, 16h50 - Publicado em 17 dez 2015, 17h07

A TV Brasil transmite, ao
vivo, nesta sexta-feira (18/12), a final da Copa Placar de Seleções
Estaduais Sub-20. Rio de Janeiro e de São Paulo se enfrentam no Estádio Novelli
Jr, em Itu, às 18h. Além delas, as equipes de Minas Gerais e Rio Grande do Sul
representaram as quatro primeiras federações de futebol do ranking da CBF neste
campeonato que estava há 28 anos fora do calendário do futebol brasileiro. A
retomada é uma iniciativa da Revista Placar, em parceria com a TV Brasil.

Na última rodada da primeira
fase, o time paulista derrotou o carioca por 2 a 0 e se garantiu na decisão.
Antes havia goleado o Rio Grande do Sul, por 4 a 1, mas perdido para Minas
Gerais por 4 a 2 para Minas Gerais. Os cariocas se classificaram de forma
antecipada na segunda rodada, após vencer mineiros (2 a 0) e gaúchos (4 a 0).



Com os mesmos seis pontos
de Minas Gerais, os paulistas ficaram com a vaga na final pelo critério de
desempate de saldo de gols: três contra um. O líder Rio de Janeiro, também com
seis pontos, tem seis gols no saldo. Os mineiros ficaram em terceiro, enquanto
os gaúchos, sem nenhuma vitória, terminaram na última posição.



Premiação

 

Logo após a final de
sexta, serão anunciados os vencedores nas categorias artilheiro, goleiro menos
vazado, e melhor técnico da competição, eleitos por um júri formado pelo
ex-atacante da seleção brasileira Careca, o ex-volante Mauro Silva e o
jornalista da TV Brasil, Rodrigo Vianna. A premiação (entrega de automóveis aos
vencedores) será feita no domingo, no estúdio da TV Brasil em São Paulo,
durante o programa No Mundo da Bola, no ar às 21h.

 

FINAL

Continua após a publicidade

Sexta (18 de
dezembro), às 18h

São Paulo x Rio de Janeiro

Estádio Novelli Jr, em Itú



Curiosidades

Entre 1922 e 1987, a
competição foi disputada 30 vezes e é considerada um embrião das disputas
nacionais no Brasil. E sofreu diversas interrupções, inclusive por motivos
políticos, como em 1930 e 1932, quando houve a Revolução Constitucionalista.
Outra pausa aconteceu entre os anos de 1947 e 1949.

A partir da década de
1950, as temporadas em que o campeonato não foi disputado ficaram mais
frequentes e, entre 1953 e 1955 e 1957 e 1958, o campeonato não aconteceu,
assim como entre 1960 e 1961.

 

Em 1962 o campeonato foi
disputado e, depois disso, só voltou 25 anos mais tarde, em 1987. Desde então,
a competição nunca mais foi organizada.

Capital Federal até 1960,
a cidade do Rio de Janeiro disputava a competição como Distrito Federal e, com
este nome, conquistou 14 títulos. Com mais um título do Rio de Janeiro, já em
1987, o Estado é o maior vencedor da história do torneio com 15 conquistas.

 

Bahia e Minas Gerais
também já foram campeãs uma vez cada. Já a Seleção Paulista sagrou-se campeã em
13 vezes.

A Champions League (Liga
dos Campeões) tem origem na Taça dos Clubes Campeões Europeus, torneio
idealizado também por um veículo de comunicação: o diário desportivo francês
L’Équipe. A competição foi idealizada pelo diretor do jornal, Gabriel Hanot, em
1955.

Continua após a publicidade
Publicidade