Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Três brasileiros e Guerrero estão entre os 59 melhores do mundo da Fifa

De acordo com jornal espanhol, lista ainda tem 14 jogadores de Barça e Real

O Mundo Deportivo vazou uma lista com 59 nomes que deverão concorrer ao prêmio de melhor do mundo da Fifa na temporada 2015. A lista tem novidades, como Guerrero, atacante do Flamengo, e apenas três brasileiros.

Os representantes do Brasil atuam na Europa. Além de Neymar, atacante do Barcelona, Willian, meia do Chelsea, e Philippe Coutinho, meia do Liverpool também está na lista. Diego Costa, naturalizado, também aparece na lista, mas como espanhol.

Barcelona e Real Madrid, novamente, são os clubes com mais jogadores na lista. Ao todo, cada um dos espanhóis tem sete jogadores. A Juventus, vice-campeã da Liga dos Campeões, aparece com seis jogadores,sendo que três já não fazem mais parte do elenco. Bayern de Munique e Manchester City vêm na sequência, com cinco atletas cada, sendo que, do City, doisvieram recentemente e o Bayern sobe para seis jogadores, com a presença de Vidal, que veio da Juve.

A lista com 59 jogadores foi enviada para o Comitê de Futebol por e-mail nesta quinta (1) e acabou vazando. Desta lista, serão escolhidos 23 finalistas, que serão divulgados em data ainda não determinada.

Veja os 59 postulantes ao prêmio de melhor do mundo da Fifa:

Claudio Bravo – Barcelona – Chile (goleiro)

Javier Mascherano – Barcelona – Argetina (zagueiro/volante)

Andrés Iniesta – Barcelona – Espanha (meia)

Lionel Messi – Barcelona – Argentina (atacante)

Ivan Rakitic – Barcelona – Croácia (meia)

Neymar – Barcelona – Brasil (atacante)

Luis Suárez – Barcelona – Uruguai (atacante)

Gareth Bale – Real Madrid – País de Gales (atacante)

Karim Benzema – Real Madrid – França (atacante)

Sergio Ramos – Real Madrid – Espanha (zagueiro)

Cristiano Ronaldo – Real Madrid – Portugal (atacante)

Luka Modric – Real Madrid – Croácia (meia)

James Rodríguez – Real Madrid – Colômbia (meia)

Toni Kroos – Real Madrid – Alemanha (meia)

Giorgio Chiellini – Juventus – Itália (zagueiro)

Paul Pogba – Juventus – França (meia)

Álvaro Morata – Juventus – Espanha (atacante)

Arturo Vidal – Juventus/Bayern de Munique – Chile (volante)

Andrea Pirlo – Juventus/NY City – Itália (meia)

Carlos Tevez – Juventus/Boca Juniors – Argentina (atacante)

Robert Lewandowski – Bayern de Munique – Polônia (atacante)

Arjen Robben – Bayern de Munique – Holanda (atacante)

David Alaba – Bayern de Munique – Áustria (volante/lateral)

Thomas Müller – Bayern de Munique – Alemanha (atacante)

Manuel Neur – Bayern de Munique – Alemanha (goleiro)

Wilfried Bony – Manchester City – Costa do Marfim (atacante)

Yaya Touré – Manchester City – Costa do Marfim (volante)

Sergio Agüero – Manchester City – Argentina (atacante)

Nicolás Otamendi – Valecnia/ManchesterCity – Argentina (zagueiro)

Kevin de Bruyne – Wolfsburg/Manchester City  – Bélgica (meia)

Diego Costa – Chelsea – Espanha (atacante)

Willian – Chelsea – Brasil (meia)

Thibaut Courtois – Chelsea – Bélgica (goleiro)

Eden Hazard – Chelsea – Bélgica (meia)

Edinson Cavani – PSG – Uruguai (atacante)

Zlatan Ibrahimovic – PSG – Suécia (atacante)

Javier Pastore – PSG – Argentina (atacante)

Wayne Rooney – Manchester United – Inglaterra (atacante)

David De Gea – Manchester United – Espanha (goleiro)

Memphis Depay – PSV/Manchester United – Holanda (atacante)

David Ospina – Arsenal – Colômbia (goleiro)

Alexis Sánchez – Arsenal – Chile (atacante)

Antoine Griezmann – Atlético de Madri – França (atacante)

Jackson Martínez – Porto/Atlético de Madri – Colômbia (atacante)

Carlos Bacca – Sevilla/Milan – Colômbia (atacante)

Giovani dos Santos – Villarreal/LA Galaxy – México (meia)

Philippe Coutinho – Liverpool – Brasil (meia)

Heung-Min Son – Bayer Leverkusen/Tottenham – Coreia do Sul (atacante)

Christian Atsu – Everton/Bournemouth – Gana (atacante)

Paolo Guerrero – Corinthians/Flamengo – Peru (atacante)

Eduardo Vargas – Hoffenheim/QPR – Chile (atacante)

Gary Medel – Internazionale – Chile (volante)

Harry Kane – Tottenham – Inglaterra (atacante)

Alexandre Lacazette – Ol. de Lyon – França (atacante)

Andrés Guardado – PSV – México (meia)

Carlos Sánchez – River Plate – Uruguai (meia)

André Ayew – Ol. de Marselha/Swansea City – Gana (atacante)

Massimo Luongo – Swindon Town – Austrália (meia)

Shinji Okazaki – Mainz/Leicester City – Japão (atacante)