Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tite diz que não convocará Neymar lesionado mesmo que perca o emprego

O atacante sofreu nova lesão no quinto metatarso do pé direito

Tite chegou em Paris nesta segunda-feira, 28, ao lado do coordenador de seleções da CBF, Edu Gaspar, e do médico da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar, para avaliar a lesão de Neymar, do Paris Saint Germain. O técnico do Brasil lamentou o problema no quinto metatarso do pé direito do atacante e ressaltou que não irá convocá-lo para o amistoso contra a República Checa, no dia 26 de março.

Tabela completa de jogos da Liga dos Campeões da Europa

“Posso perder meu emprego, mas não vou carregar a responsabilidade de convocá-lo machucado. Neymar não irá pagar por sua saúde. Faço minhas as palavras de Thomas Tuchel (técnico do PSG): Estou triste. Mas deixo minha expectativa de melhora”, disse o treinador.

Neymar sofreu a lesão no último dia 23 e saiu de campo chorando no segundo tempo da partida contra o Strasbourg, pela segunda rodada da Copa da França. Segundo o jornal francês Le Parisien, o jogador teve uma fratura no quinto metatarso, a mesma que deixou o brasileiro afastado nos meses que antecederam a Copa do Mundo da Rússia.

“O Rodrigo Lasmar veio para ajudar os médicos do Paris Saint Germain. Temos de lembrar que o Neymar é um atleta do PSG. Precisamos respeitar as decisões tomadas pelo clube. Depois disso, tomaremos decisões técnicas”, afirmou Edu Gaspar.

O Paris Saint Germain ainda não informou se Neymar precisará passar por cirurgia. O treinador alemão Thomas Tuchel, no entanto, já deixou claro que o brasileiro não terá condições físicas de enfrentar o Manchester United, no primeiro confronto decisivo das oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa, que ocorre no próximo dia 12.