Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tigres bate o Inter, vai à final e classifica River para o Mundial

Colorado jogava por um empate, mas caiu por 3 x 1 em Monterrey

Depois de emplacar quatro títulos de Libertadores consecutivos, o Brasil já amarga o seu segundo ano sem um representante sequer na final do torneio.

Nesta quarta-feira, em Monterrey, o Inter, que jogava por um empate para avançar, perdeu para o Tigres-MEX por 3 x 1 e viu encerrado o sonho de faturar o tri continental.

Sem o suspenso Diego Aguirre no banco, o Inter teve uma noite das mais infelizes no seu sistema defensivo.

Aos 23 do primeiro tempo, Gignac subiu sozinho para anotar o primeiro gol da partida e o seu primeiro com a camisa do Tigres. Claramente superior na partida, o time mexicano chegou ao segundo com uma ajuda providencial de Geferson, que, atabalhoado, mandou para a própria meta uma bola fácil, sob seu domínio.

Na etapa complementar, o Tigres teve a chance de aumentar com Sóbis, mas sua cobrança de pênalti parou nas mãos de Alisson. Mas o terceiro gol mexicano não tardaria.

Aos 12, Damm fez bela jogada pela direita e cruzou na medida para Arévalo, que mandou para o fundo das redes de cabeça. 

Com as entradas de Sasha e Alex, o Inter melhorou sensivelmente. A ponto de descontar o placar, com Lisandro López, a dois minutos do apito final.

Dessa forma, o Tigres chega à sua primeira final de Libertadores. Encara nas próximas duas semanas o River Plate, que já pode celebrar sua vaga automática no Mundial de Clubes, em dezembro. A vaga sul-americana no torneio da Fifa não pode ser ocupada por um time de outra confederação, no caso do Tigres, a Concacaf.