Clique e assine a partir de 8,90/mês

Rostov-on-don: calor, gastronomia e cultura

A cidade é cheia de parques e tem grande concentração de bares e restaurantes

Por Luiz Felipe Castro - Atualizado em 15 jun 2018, 15h24 - Publicado em 21 Maio 2018, 15h35

A cidade de Rostov-on-Don, ao Sul da Rússia, é uma das mais atrativas para os turistas que irão à Copa do Mundo, tanto pelo clima quente no verão quanto pela sua riqueza cultural e gastronômica. A Arena Rostov, construída especialmente para o Mundial, sediará cinco jogos da Copa, incluindo a estreia da seleção brasileira, diante da Suíça, em 17 de junho.

Banhada pelo Rio Don, onde fica um dos principais portos do país, a cidade foi fundada em 1749 (há outra cidade com nom parecido, Rostov Veliki ou Rostov Grande) e se tornou uma das mais modernas e desenvolvidas da Rússia. A região é conhecida por ter dado origem aos cossacos, povo guerreiro, e celebrado em diversos museus e monumentos.

A movimentada Rua Pushkin, batizada em homenagem ao poeta Alexander Pushkin, abriga o Parque Gorky e o Parque da Revolução, dois dos mais famosos pontos turísticos da cidade. A vida noturna também é agitada, com destaque para a Rua Gazetny – uma transversal da Rua Pushkin, onde os torcedores encontrarão muitos bares e restaurantes. Vale a pena visitas à Catedral Santíssima Virgem Maria e à Santa Ressurreição, e ao  Museu Regional Belas Artes.

Rostov, Russia
Rostov Arena Lars Baron/Getty Images

Os jogos em Rostov na Copa do Mundo:

Brasil x Suíça – 17/06
Uruguai x Arábia Saudita – 20/06
Coréia do Sul x México – 23/06
Islândia x Croácia – 26/06
Oitavas de final – 02/07

[googlemaps https://www.google.com/maps/d/embed?mid=1d0NcRqFZVKi2aRAF0XYhtuEBpFWDLNjv&w=640&h=480%5D

Abaixo, um video da agência de notícias russa Russia Today, sobre Rostov-on-don, com legendas em inglês

Navegue pelo mapa e conheça as seleções e as cidades-sede


Continua após a publicidade
Publicidade