Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Rogério Ceni é absolvido pelo STJD pro declarações contra o Vasco

Goleiro ainda tem seis jogos antes de encerrar a carreira

No empate em 2 x 2 com o Vasco, no Morumbi, o goleiro do São Paulo, Rogério Ceni se revoltou com a arbitragem. Ainda na saída para o intervalo, o jogador deu declarações polêmicas sobre atuação do árbitro.

Indignado com um pênalti marcado contra o seu clube, nos minutos finais da primeira etapa, o goleiro siau do gramado falando que aquele pênalti já havia sido marcado muito tempo antes do jogo começar.

Por causa das declarações polêmicas, o goleiro foi julgado pelo STJD nesta quinta (29), mas acabou absolvido. Caso fosse julgado  no artigo 243-F do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que pune que comete ofensas a árbitro, o jogador pegaria de dois a seis jogos de suspensão.

Assim, o goleiro não foi punido e não vai ter problemas no fim de sua carreira. O goleiro deve abandonar a carreira na última rodada do Brasileiro deste ano. Agora, o jogador só terá que se recuperar da pequena lesão que sofreu contra o Santos, na semifinal da Copa do Brasil para jogar as seis últimas partidas do Tricolor no ano.