Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Robben rejeita favoritismo do PSG: ‘Dinheiro não faz gol’

Na véspera do confronto em Paris, atacante holandês do Bayern de Munique afirmou que conjunto é mais importante que valores individuais

Por Da redação Atualizado em 26 set 2017, 17h42 - Publicado em 26 set 2017, 13h23

Paris Saint-Germain e Bayern de Munique se enfrentam nesta quarta-feira, a partir das 15h45 (de Brasília) em um badalado confronto válido pela segunda rodada da Liga dos Campeões. O holandês Arjen Robben, um dos destaques da equipe alemã, comentou sobre a postura agressiva do adversário no mercado de transferências e deu um recado para o novo clube de Neymar.

“O dinheiro não faz gols, é a qualidade em campo que determina o vencedor. Em jogos como esse, é o desempenho da equipe que conta, para que nenhum jogador fique sobrecarregado e todos possam ajudar a sair com a vitória, que é o mais importante”, disse Robben.

  • A partida marca o retorno de Carlo Ancelotti à casa do Paris Saint-Germain, clube que treinou entre 2012 e 2013. O treinador do Bayern de Munique criticou o volante Marco Verrati ao comentar a proposta que recebeu do Barcelona na última janela de transferência. “Ele usou o Barcelona para melhorar seu contrato no PSG e receber um aumento”, disse o técnico italiano em entrevista ao Le Figaro.

    O Bayern, apesar de ser um dos times mais ricos do mundo, tem sido um dos grandes críticos aos valores praticados por clubes espanhóis e ingleses. “Não há jogador no mundo que valha 100 milhões de euros”, disse disse Uli Hoeness, presidente do clube alemão, à revista Sport Bild, dias após o PSG pagar 222 milhões de euros por Neymar.

    Bayern e PSG venceram seus primeiros jogos pela competição europeia e se qualificam como os grandes favoritos a classificação para a segunda fase no grupo B, que ainda tem Anderlecht e Celtic.

    (com Gazeta Press)

    Continua após a publicidade
    Publicidade