Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Revista lista melhores da história com Neymar atrás de Cafu

Britânica 'FourFourTwo' divulgou lista do 51ª ao 100º colocado, com cinco brasileiros: Jairzinho, Cafu, Roberto Carlos, Djalma Santos e Neymar

Por Da redação Atualizado em 25 jul 2017, 09h44 - Publicado em 25 jul 2017, 09h25

Listas sobre os melhores de todos os tempos são sempre subjetivas e polêmicas, especialmente no futebol. Apesar disso, diversas publicações internacionais não resistem a este tipo de desafio. Nesta semana, a revista inglesa FourFourTwo começou na divulgar o seu ranking, da 51ª até a 100ª posição. O Brasil, que deve ter vários representantes nas primeiras posições, tem quatro representantes na faixa já divulgada: Jairzinho (51ª), Cafu (75º), Roberto Carlos (90º), Djalma Santos (95º) e Neymar (97º).

  • Neymar é o único que segue em atividade e ainda tem muito a acrescentar em seu currículo, que já inclui títulos da Copa Libertadores, Liga dos Campeões e Olimpíadas, entre outros. “Neymar é o próximo grande nome depois de Messi e Cristiano Ronaldo. O jogador de 25 anos não apenas levou o futebol a novas fronteiras, como manteve um incrível nível de desempenho. É incrível ver o quanto já alcançou com o Barcelona, Santos e seleção brasileira (pela qual marcou 52 gols, fazendo dos 77 gols de Pelé uma meta alcançável)”, escreveu a revista. A lista seguirá sendo divulgada ao longo da semana.

    Os melhores de todos os tempos da Four Four Two (de 51ª a 100º)

    51 – Jarzinho (Brasil)

    52 – Roberto Baggio (Itália)

    53- Gaetano Scirea (Itália)

    54 – Gunnar Nordahl (Suécia)

    55 – Dino Zoff (Itália)

    56 – Daniel Passarella (Argentina)

    57 – Karl-Heinz Rummenigge (Alemanha)

    58 – Adolfo Pedernera (Argentina)

    59 – Andrés Iniesta (Espanha)

    60 – Kevin Keegan (Inglaterra)

    61 – Peter Schmeichel (Dinamarca)

    62 -Dixie Dean (Inglaterra)

    63 -Gordon Banks (Inglaterra)

    64 – Johan Neeskens (Holanda)

    65 – Jimmy Johnstone (Escócia)

    66 – Teofilo Cubillas (Peru)

    67 – Florian Albert (Hungria)

    68 – Sandro Mazzola (Itália)

    69 – Dennis Bergkamp (Holanda)

    70 – Paul Breitner (Alemanha)

    7 – John Charles (País de Gales)

    72 – Jose Andrade (Uruguai)

    73 – Omar Sivori (Argentina)

    74 – Josef Masopust (Tchecoslováquia)

    75 – Cafu (Brasil)

    76 – Dennis Law (Escócia)

    Continua após a publicidade

    77 – Frank Rijkaard (Holanda)

    78 – Just Fontaine (França)

    79 – Gigi Riva (Itália)

    80 – Thierry Henry (França)

    81 – Dragan Dzajic (Iugoslávia)

    82 – Hugo Sánchez (México)

    83 – Ryan Giggs (Inglaterra)

    84 – Giacinto Facchetti (Itália)

    85 – Uwe Seeler (Alemanha

    86 – Gabriel Batistuta (Argentina)

    87 – Javier Zanetti (Argentina)

    88 – Allan Simonsen (Dinamarca)

    89 – Hristo Stoichkov (Bulgária)

    90 – Roberto Carlos (Brasil)

    91 – Sepp Maier (Alemanha)

    92 – Sandor Kocsis (Hungria)

    93 – Philipp Lahm (Alemanha)

    94 – Zlatan Ibrahimovic (Suécia)

    95 – Djalma Santos (Brasil)

    96 – Obdulio Varela (Uruguai)

    97 – Neymar (Brasil)

    98 – Mario Kempes (Argentina)

    99 – Mario Coluna (Portugal)

    100 – Gheorghe Hagi (Romênia)

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade