Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Rei Vinícius’: imprensa espanhola exalta o brasileiro do Real Madrid

Atacante de 18 anos marcou belo gol de voleio contra o Leganés e foi comparado a um ídolo do clube. "Desde Raúl não se recorda um impacto semelhante"

Vinícius Júnior é a grande sensação da temporada irregular do Real Madrid. Após duas excelentes atuações, a última nesta quarta-feira 9 na vitória por 3 a 0 sobre o Leganés, com direito a um golaço de voleio, o atacante brasileiro de 18 anos ganhou as capas dos jornais espanhóis e foi chamado até de “Rei”, pelo Marca, o principal diário esportivo da Espanha.

“Desde a primeira bola que tocou o brasileiro, se notou a conexão especial entre a arquibancada e o carioca. Cada bola que caía em seus pés gerava um estado de ansiedade que nenhum outro jogador do Real Madrid era capaz de produzir”, cravou o jornal.

Diversos publicações destacaram a ilusión (termo que, traduzido para o português, carrega o sentido de esperança ou sonho) causada por Vinicius na torcida, que ainda se ressente da saída de Cristiano Ronaldo. Em outro artigo, o Marca comparou o atacante revelado pelo Flamengo a um ídolo histórico do clube: Raúl González.

“Em suas chuteiras há ilusión, como nos olhos dos madridistas quando veem um jogador de 18 anos atuar assim. Será exagerado. Ou não. Mas dese Raúl não se recorda um impacto semelhante, a essa idade.” Raúl estreou no clube aos 17 anos, marcou mais de 300 gols pelo Real Madrid e conquistou três Ligas dos Campeões, entre outros títulos.

Veja também

O jornal As, por sua vez, destacou que “o Real Madrid tem um novo ídolo”, enquanto as publicações catalãs, mais direcionadas ao rival Barcelona , deram menos destaque. “Desta vez não foi de rebote. Vinicius apaixonou a arquibancada com um golaço de voleio”, ironizou o Sport. O Mundo Deportivo afirmou que “Vinicius derrubou a porta” e que o brasileiro “voltou a ser uma das poucas notícias positivas do Real Madrid.”

Apesar do encantamento com o jovem comprado por 45 milhões de euros (mais de 190 milhões de reais), o Real Madrid vive uma temporada de altos e baixos depois das saídas de Cristiano Ronaldo e do técnico Zinedine Zidane e é apenas o quinto colocado do Campeonato Espanhol.