Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Raio-X: os 23 de Tite que vão buscar o hexa na Copa da Rússia

Confira a história e o retrospecto dos atletas convocados pela seleção brasileira

O time que buscará o hexacampeonato na Rússia já está definido: na última segunda-feira, o técnico Tite revelou os nomes dos 23 jogadores que representarão a seleção brasileira na Copa do Mundo de 2018. Além de craques consagrados, como Neymar e Philippe Coutinho, há na lista atletas menos conhecidos do grande público, como Fred, do Shakhtar Donetsk, e outros contestados, como Taison, também da equipe ucraniana. Confira, abaixo, um raio-X dos atletas selecionados: 

O goleiro revelado pelo Inter é, possivelmente, o maior “legado” deixado pelo técnico Dunga. Convocado constantemente pelo treinador anterior, Alisson manteve a titularidade sob o comando de Tite. Após uma ótima temporada na Roma, está na mira de  gigantes da Europa e é considerado um dos melhores do mundo.


Um nome controverso entre os torcedores, mas totalmente respaldado pelo técnico Tite, terá a oportunidade de disputar sua primeira Copa do Mundo. O ídolo do Corinthians, protagonista nas últimas conquistas do clube, deve ser o terceiro goleiro no Mundial.


Sua ascensão foi rápida: destacou-se no Benfica e foi levado pelo técnico Pep Guardiola para o Manchester City, onde foi campeão inglês com grandes atuações. Faz ótimas defesas e tem habilidade com os pés. Será o reserva imediato de Alisson.


A história do experiente Miranda com a seleção começou há quase dez anos. Hoje, com 34 anos, é um dos melhores da posição no futebol italiano e terá sua primeira oportunidade em um Mundial.


O zagueiro de 24 anos é muito frio, calmo e tem liderança dentro de campo. Já foi capitão do Paris Saint-Germain e também na seleção. Este é seu primeiro Mundial e é o único zagueiro com menos de 30 anos na seleção.


O zagueiro do Grêmio foi um dos mais pedidos para a posição após boas temporadas, destacando-se pela técnica e calma nos desarmes e saída de bola. É o único zagueiro convocado que atua no Brasil. Aos 32 anos, é um dos pilares do Grêmio, atual campeão da Libertadores.


Aos 33 anos, é o mais experiente da seleção em Mundiais. Zagueiro do Paris Saint-Germain, participou da Copa da África do Sul, em 2010, e na do Brasil, em 2014. Terá a missão de restabelecer uma relação de confiança com os torcedores após o fiasco no último Mundial.


O lateral do Real Madrid chega à Copa do Mundo no auge de sua carreira. Esteve no vexame contra a Alemanha em 2014, e é mais um dos jogadores que tentarão apagar o que aconteceu no Mineirão.


Tem feito boas atuações em seu novo clube, o Manchester City. Foi utilizado em várias posições pelo técnico Pep Guardiola, algo que pode ter influenciado na sua convocação. O lateral, agora, concorre pela titularidade no lado direito com Fágner.


O experiente lateral de 33 anos do Atlético de Madrid se recuperou de uma fratura na perna esquerda e cria uma boa variação ao esquema de Tite, por causa das suas características defensivas, algo em que Marcelo não é especialista.


É um dos mais contestados da convocação. Conseguiu se recuperar de uma lesão na coxa e concorre pela vaga com Danilo.


Nos últimos anos, o volante do Real Madrid se tornou um dos melhores do mundo em sua posição, tornando-se titular do técnico Zinedine Zidane. Voltou à seleção e ganhou a confiança de Tite. Titular absoluto, marca bem e esbanja disposição.


Apagado na Copa do Mundo de 2014, deu a volta por cima no Manchester City, com ótimas atuações na temporada. Concorre pela titularidade com Renato Augusto e Paulinho.


O volante canhoto do Shakhtar é um dos jogadores que menos foram convocados. Fez 7 jogos pela seleção e ainda não marcou gols, mas agradou Tite nos últimos treinamentos.


Recuperou seu bom futebol, foi contratado pelo Barcelona e é titular na seleção. O jogador de 29 anos é um dos homens de confiança de Tite e foi um dos artilheiros do Brasil nas Eliminatórias para Copa do Mundo.


Transferiu-se ao Barcelona no meio desta temporada, e ainda não conseguiu o mesmo destaque que tinha no Liverpool. Pela seleção, passou por quase todas as categorias de base. É um dos jogadores mais importantes da equipe.


É o único convocado que atua na China. Provou ser um jogador importante para a seleção de Tite. O ex-jogador de Flamengo e Corinthians costuma jogar bem pelo Brasil, e luta por vaga no time titular.


Apagado na Copa do Mundo de 2014, é um dos protagonistas da seleção. O meia do Chelsea vive a melhor fase da carreira, apesar do mau momento da equipe inglesa. Tite o chama de “foguete” por causa de sua velocidade e aposta no seu grande poder ofensivo.


O melhor jogador do país chega a seu segundo Mundial como o homem mais pressionado de toda a competição. Depois de uma primeira temporada frustrante pelo PSG, encerrada precocemente com uma lesão no pé, precisará fazer uma Copa excepcional para alcançar seu objetivo de vencer a Bola de Ouro. Há quatro anos, já era a principal estrela do time, mas teve de abandonar a Copa machucado, antes do vexame do 7 a 1. Agora chegará à Rússia descansado, mas ainda receoso por causa de sua recente lesão. E tentará provar que amadureceu e atingiu o patamar de craque incontestável.


O atacante revelado pelo Grêmio trocou o Bayern de Munique pela Juventus na última temporada, onde foi campeão italiano com boas atuações. Briga por uma vaga no time titular com Willian e Philippe Coutinho. Muda o ritmo do jogo com sua velocidade e habilidade.


O atacante do Liverpool está em sua melhor fase. É o vice-artilheiro da Liga dos Campeões da Europa e finalista da competição. Briga na posição com Gabriel Jesus.


O atacante do Manchester City é o mais novo do elenco, com 21 anos. Teve uma boa temporada, sendo um dos destaques do título inglês do City, colocando o atacante Sérgio Aguero, ídolo do clube, no banco.


O atacante do Shakhtar Donetsk é o convocado mais contestado pela torcida. Trabalhou com Tite quando jogava pelo Internacional e tem sua confiança. Já foi chamado em 12 oportunidades, atuando por apenas 68 minutos em seis partidas.


Navegue pelo mapa e conheça as seleções e as cidades-sede