Clique e assine com 88% de desconto

Presidente do Barcelona encerra rumores: ‘Neymar não voltará’

Josep Maria Bartomeu afirmou que não houve nenhuma reunião para discutir o retorno do camisa 10 do PSG à Catalunha

Por Da redação - Atualizado em 22 out 2018, 11h34 - Publicado em 22 out 2018, 11h06

Josep Maria Bartomeu, presidente do Barcelona, colocou um ponto final nos rumores sobre um possível retorno de Neymar ao clube catalão. Em entrevista à Catalunya Radio na manhã desta segunda-feira, o dirigente foi claro e disse que não há qualquer tipo de negociação pelo retorno camisa 10 do Paris Saint-Germain.

“Neymar não voltará ao Barcelona. Não voltará, nem está previsto que volte. Não houve qualquer chamada, reunião ou contato”, disse Bartomeu.

Além disso, ele aproveitou para revelar que o Barça não deve realizar compras de jogadores na próxima janela de transferências, que acontece em janeiro na Europa. “Não estão previstas contratações. Montamos um elenco menor, já que contávamos com os jogadores do time B para cobrir as baixas da equipe principal”, finalizou.

Na última sexta-feira, o vice-presidente do clube Jordi Cardoner já havia negado qualquer negociação para ter Neymar de volta. Na ocasião, ele disse que o assunto sequer estava em pauta no Barcelona, ressaltando que a decisão de deixar o time em agosto de 2017 para jogar no Paris Saint-Germain partiu do próprio jogador.

Publicidade

Há vários meses, jornais espanhóis e franceses noticiam um suposto arrependimento de Neymar por ter trocado o Barcelona pelo PSG no ano passado, por 222 milhões de euros, o que fez dele o atleta mais caro da história.

Na última quinta-feira, a rádio espanhola Cadena SER revelou que Neymar possui um “contrato decrescente” com o clube francês, que o permitiria deixar Paris no fim desta temporada por valor semelhante ao de sua compra.

Ainda segundo a rádio, Neymar, arrependido de sua escolha, chorou diante de um dirigente do Barcelona e se colocou à disposição para pressionar o PSG por uma volta à Catalunha.

O jogador Neymar e o presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu
Josep Maria Bartomeu abraça Neymar após título do Mundial de Clubes de 2015 Shaun Botterill/Getty Images/Getty Images
Publicidade