Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Por Pratto, título do River rende 4,4 milhões de reais ao São Paulo

Cláusula estava no contrato de venda do atacante argentino

Por Estadão Conteúdo Atualizado em 10 dez 2018, 11h24 - Publicado em 10 dez 2018, 11h05

O São Paulo comemorou o título conquistado pelo River Plate na Copa Libertadores, neste domingo, 9, em Madri. O troféu obtido pela equipe argentina vai render 1 milhão de euros (cerca de 4,4 milhões de reais) ao clube paulista por conta da negociação que levou o atacante Lucas Pratto ao time de Buenos Aires no começo desta temporada.

Este valor foi estipulado em contrato na época da venda do atleta para o time argentino. Na negociação, algumas metas foram estipuladas em cláusulas específicas e uma delas era o título da Copa Libertadores, que renderia esta soma à equipe do Morumbi. O São Paulo ainda não se manifestou sobre quando receberá este valor.

Antes de jogar pelo River Plate – pelo qual fez gol nos dois jogos da final da Libertadores -, Pratto se destacou no Brasil atuando tanto pelo Atlético-MG quanto pelo São Paulo. Ele desembarcou em solo brasileiro em 2015 e foi artilheiro e líder da equipe mineira. Dois anos depois, foi comprado a peso de ouro pelo São Paulo, que pagou cerca de 6 milhões de euros (cerca de 26 milhões de reais em valores atuais) por 50% dos direitos econômicos do centroavante.

  • Neste domingo, Pratto teve atuação decisiva no estádio Santiago Bernabéu, em Madri. Foi dele o gol de empate da partida. Na sequência, o River Plate virou o jogo sobre o Boca Juniors na prorrogação e venceu por 3 a 1, sacramentando a conquista.

    Continua após a publicidade
    Publicidade