Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

STF decide mandar goleiro Bruno de volta à prisão

Único voto favorável a manter o jogador em liberdade foi do ministro Marco Aurélio Mello, o mesmo que havia dado liminar em fevereiro determinando a soltura

Por 3 votos a 1, o Supremo Tribunal Federal (STF) determinou a volta do goleiro Bruno Fernandes à prisão. Condenado em primeira instância pela morte da ex-namorada Eliza Samudio, o jogador foi solto em 21 de fevereiro por decisão do ministro Marco Aurélio Mello, do mesmo STF. Na última quinta-feira, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu à Corte a revogação da decisão que colocou o atleta em liberdade.

Bruno foi condenado a 22 anos e três meses de prisão pelo assassinato e ocultação do cadáver de Eliza, com quem teve um filho. Atualmente, Bruno é contratado pelo Boa Esporte, time da segunda divisão de Varginha, em Minas Gerais. Diversos patrocinadores do clube mineiro rescindiram os contratos devido a contratação do goleiro.

O ministro Alexandre de Moraes, relator do caso, foi o primeiro a se manifestar contra a decisão de Marco Aurélio – ele foi seguido pela ministra Rosa Weber e Luiz Fux. Marco Aurélio defendeu a concessão do habeas corpus em razão do tempo que o goleiro aguarda na prisão (quase sete anos) pelo julgamento de um recurso no Tribunal de Justiça de Minas Gerais. “Nada justifica prisão processual de seis anos e sete meses”, afirmou o ministro. O ministro Luís Roberto Barroso, que também integra a Primeira Turma da Corte, está viajando e não participou da sessão. 

No pedido de revogação do habeas corpus, Janot argumentou que a própria defesa contribuiu para o eventual prolongamento do prazo para julgamento da ação. “Anote-se que a execução provisória da pena se deu a pedido da própria defesa, na ocasião do recurso de apelação. Isso reforça a ausência de prejuízo ao sentenciado”, disse.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Pelos dados acima é certo que Marco Melo achincalha o direito. Que absurdo!

    Curtir

  2. PAUNOMOLUSCO

    Alguém tinha que arrumar o estrago produzido pelo ministro camarada.

    Curtir

  3. Paulo Sergio Barci

    A sociedade pediu e aí está! De volta para a cadeia, de onde nunca deveria ter saído.

    Curtir

  4. Mesmo depois do Bruno ter vestido a toga? Que absurdo!

    Curtir

  5. Até que enfim os ministros da justiça fizeram algo certo desta vez.

    Curtir

  6. Marcelo Farias

    Esta Supremo eh uma piada, por estas coisas passo vergonha aqui nos exterior, eles acham que somos idiotas acham nao agora sabem!!!

    Curtir

  7. matheus Vilanee

    Já prendeu o Bruno certo agr quero ver esses cara prende o lula desviou dinheiro público comprou coisas com nossos dinheiro de imposto isso é um absurdo tbm merecia morre na cadeia pois tanta gente morrendo pois não tem atendimento hospitalar com isso ele matou mto mais que o goleiro Bruno

    Curtir