Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pia Sundhage será a nova técnica da seleção feminina: ‘Faltam detalhes’

Sueca de 59 anos conquistou duas medalhas de ouro olímpicas com os Estados Unidos

A seleção brasileira de futebol feminino já tem um novo nome para o comando técnico. Dois dias depois da demissão de Oswaldo Alvarez, o Vadão, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) acertou com a sueca Pia Sundhage, de 59 anos. A treinadora venceu duas Olimpíadas com o Estados Unidos e estava trabalhando nas categorias de base da seleção de seus país.

“Está tudo encaminhado”, confirmou por telefone a VEJA o coordenador de seleções femininas Marco Aurélio Cunha. “Faltam apenas detalhes. Falta o OK de parte a parte, pela dificuldade de uma negociação a distância”, resumiu, sem dar maiores informações sobre a negociação.

O nome agrada o presidente da CBF Rogério Caboclo. O dirigente estreitou relações com Pia quando ela esteve no Brasil para participar de um seminário na entidade sobre futebol feminino. Na época, a sueca afirmou para a imprensa que existia interesse em assumir a seleção, mas que iria respeitar seu contrato com a equipe sub-16 de seu país, que vai até o final do ano.