Clique e assine com até 92% de desconto

Pedrinho, o novo xodó do Corinthians: ‘Primeiro gol de muitos’

Atacante alagoano de 19 anos desencantou diante do Patriotas pela Sul-Americana e foi ovacionado pela torcida em Itaquera

Por Luiz Felipe Castro Atualizado em 27 jul 2017, 01h14 - Publicado em 27 jul 2017, 00h44

O jogo não foi dos melhores, mas o torcedor do Corinthians deixou o Itaquerão feliz sobretudo graças ao jovem Pedrinho. Muito querido pela torcida desde que estreou no profissional no início deste ano, o atacante alagoano de 19 anos marcou seu primeiro gol como profissional com um belo toque por cobertura, na vitória por 2 a 0 sobre o Patriotas, da Colômbia, pela Copa Sul-Americana. E caiu de vez nas graças dos torcedores, que o receberam, literalmente, de braços abertos na arquibancada. 

“O primeiro gol nunca se esquece, ainda mais um golaço desse. Com certeza é um sonho realizado, mas não para por aqui, é o primeiro de muitos”, afirmou entusiasmado o garoto, exibindo seus aparelhos nos dentes. Pedrinho dedicou o gol aos pais, de quem teve de se distanciar aos 15 anos quando trocou Maceió (AL) para buscar seu sonho na capital paulista – primeiro foi dispensado pelo São Paulo até chegar ao Corinthians.

  • “É um sentimento único, pensei em tudo que eu passei para chegar até aqui, nos meus pais que estão em casa hoje com certeza muito orgulhosos de mim. É muito gratificante. Na hora esbravejei porque o grito de gol já estava entalado”, afirmou. A torcida pediu a sua entrada logo no início da segunda etapa e o aclamou após o gol aos 45 do segundo tempo.

    Rápido e habilidoso, o canhoto Pedrinho foi um dos destaques do time campeão da Copa São Paulo deste ano e, logo na sequência foi promovido ao time profissional. Tratado com carinho pelo técnico Fábio Carille, que projeta um futuro brilhante ao garoto, Pedrinho vem fazendo trabalhos específicos de reforço muscular. E, apesar de ainda ser muito franzino – disse estar com 1,71 metros e 61 quilos – garante estar mais preparado fisicamente.

    “É notório, no treinamento e nos jogos tenho conseguido disputar corpo a corpo com jogadores mais velhos e mais fortes. Quero evoluir cada dia mais, mas já percebo uma melhoria desde o início do ano.” Ele espera ser novamente uma opção para o segundo tempo na próxima partida, diante do Flamengo, pelo Brasileirão, no domingo, em Itaquera.

    Pedrinho
    O atacante Pedrinho do Corinthians comemora gol na vitória sobre o Patriotas (COL) no Itaquerão pela Copa Sulamericana Nelson Almeida/AFP
    Continua após a publicidade
    Publicidade