Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Palmeiras renova patrocínio e pode receber mais de R$ 400 milhões

Contrato prevê premiações de acordo com títulos conquistados

O Palmeiras assinou nesta quarta-feira, 23, o novo contrato de patrocínio master com a Crefisa. A empresa, anunciante do clube desde 2015, terá acordo válido por três anos e com a possibilidade de repassar até 410 milhões de reais ao fim do vínculo. O valor será atingido de acordo com os títulos conquistados pela equipe.

A assinatura do contrato foi firmada pelo presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, e pela presidente da Crefisa, Leila Pereira, que revelou os valores. Serão 81 milhões de reais anuais, 15 milhões de luvas pela assinatura da parceria, 6,8 milhões de reais em propriedades de marketing (ajuda no salário de atletas) e uma premiação por temporada de 34 milhões reais, totalizando cerca de 136 milhões por ano.

Cada um dos títulos em disputa pelo Palmeiras na temporada tem no contrato um valor fixado como premiação a ser pago pela patrocinadora. Esse molde estava previsto já no acordo anterior. Pelo título brasileiro de 2018, por exemplo, o clube embolsou o prêmio de 10 milhões de reais do patrocinador. Também há recompensas para as outras competições, como as Copas do Brasil e Libertadores.

Leila Pereira e Maurício Galiotte (@leilapereiraconselheira/Instagram)

Galiotte disse que o investimento será destinado em sua maior parte ao departamento de futebol, porém o clube pretende reforçar outros esportes. Segundo o presidente, o Palmeiras não é dependente apenas da verba da patrocinadora e enumerou fontes de receita como bilheteria, sócio-torcedor e vendas de produtos oficiais como responsáveis por fazer o clube projetar um orçamento de 650 milhões de reais em 2019.