Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Pai dos goleiros Alisson e Muriel é achado morto em barragem no RS

José Agostinho Becker, de 57 anos, havia saído para nadar na propriedade da família, em Lavras do Sul, na tarde de quarta-feira

Por Da Redação Atualizado em 26 fev 2021, 16h22 - Publicado em 25 fev 2021, 09h46

José Agostinho Becker, pai dos goleiros Alisson, do Liverpool e da seleção brasileira, e Muriel, do Fluminense,  foi encontrado morto horas após desaparecer em uma barragem no município de Lavras do Sul (RS), a 320 km de Porto Alegre, onde saíra para mergulhar na tarde de quarta-feira, 25. Ele tinha 57 anos.

O Corpo de Bombeiros de Caçapava do Sul, cidade vizinha que atendeu a ocorrência, informou que o corpo foi encontrado por volta das 22h50 da noite de quarta-feira por um amigo de José Agostinho e um funcionário da propriedade da família Becker. A Polícia Civil também estava no local.

O pai do goleiro da seleção brasileira desapareceu por volta das 17h, quando tomava banho no açude. A propriedade dos Becker, que são radicados em Novo Hamburgo, na região metropolitana de Porto Alegre, fica em uma região chamada Rincão do Inferno, na zona rural de Lavras do Sul.

  • José Agostinho Becker foi goleiro no futebol amador e inspirou a trajetória dos filhos, que iniciaram suas carreiras no time do coração da família, o Internacional. Pelas redes sociais, Fluminense, Inter e outros clubes e atletas prestaram suas homenagens a José Agostinho Becker e enviaram mensagens de apoio a Alisson e Muriel.

    UOL Esporte Clube | Assine e acompanhe transmissões de grandes jogos e programas esportivos de onde você estiver.

    Continua após a publicidade
    Publicidade