Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Operário-PR, Bragantino e Botafogo-SP garantem o acesso para a Série B

Náutico e Santa Cruz jogarão a Série C por mais um ano

Operário-PR, Bragantino e Botafogo-SP são os novos integrantes da Série B em 2019. Eles garantiram as suas vagas neste domingo, quando foram disputados os confrontos de volta das quartas de finais do Campeonato Brasileiro da Série C. Os três times também estão nas semifinais e seguem atrás do título da temporada. A decepção sobrou para a torcida pernambucana, que viu Santa Cruz e Náutico eliminados.

Um dos jogos semifinais já está definido entre Operário e Bragantino. O outro será entre Botafogo-SP e o vencedor do confronto entre Atlético Acriano e Cuiabá, que se enfrentam nesta segunda-feira, em Rio Branco, capital do Acre. A vantagem é do time do Mato Grosso, que venceu em casa por 2 a 0 e na volta pode perder por até um gol de diferença.

Os acessos

Em Ponta Grossa, no Paraná, o Operário confirmou a sua vaga ao vencer o Santa Cruz por 3 a 0, devolvendo a derrota no estádio do Arruda, no Recife, por 1 a 0. Os gols foram marcados por Alison, Schumacher e Dione. É a primeira vez que o time paranaense vai disputar a Série B no formato de pontos corridos. A última participação foi em 1991.

O Bragantino segurou o empate por 1 a 1 contra o Náutico, na Arena Pernambuco, no Recife, com 27 mil pagantes. Como tinha vencido em Bragança Paulista por 3 a 1, poderia perder até por um gol de diferença. Saiu na frente com Matheus Peixoto no primeiro tempo e só levou o empate aos 38 minutos da segunda etapa, em gol marcado por Wallace Pernambucano. O time paulista volta à segunda divisão dois anos após cair.

A terceira vaga foi definida com lances de dramaticidade no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, com 23 mil torcedores. O Botafogo paulista precisava devolver a derrota para o Botafogo, da Paraíba, sofrida em João Pessoa, por 1 a 0, mas só conseguiu com um gol de Caio Dantas aos 47 minutos do segundo tempo. Depois levou a vaga na cobrança de pênaltis por 4 a 3. O time paulista volta à segunda divisão nacional pela primeira vez desde 2002.