Clique e assine a partir de 8,90/mês

O magnetismo do futebol une casais

Na vitória ou na derrota, há mais de 100 anos, nenhum esporte une tantas pessoas – inclusive casais – no Brasil

Por Abril Branded Content - Atualizado em 31 out 2018, 13h40 - Publicado em 22 out 2018, 13h00

Era um domingo de sol, 13 de novembro de 2005, mas o representante comercial Michell Araújo não tinha motivos para comemorar. Ele passou a tarde no estádio Couto Pereira, em Curitiba, e testemunhou a derrota de seu time, o Coritiba, para o Corinthians – 1 a 0, gol de cabeça de Carlos Alberto, aos 23 minutos do primeiro tempo. Poucas semanas depois, o Timão se sagraria campeão brasileiro. O Coritiba seria rebaixado para a série B do Campeonato Brasileiro. Mas, quando Michell lembra desse jogo, não é essa a primeira lembrança. “Foi nessa tarde que conheci minha esposa”, ele conta.

Nascida em Curitiba, também torcedora fanática do Coxa, como o time é conhecido na cidade, a empresária Andrea Ferreira de Camargo, que atualmente tem 45 anos, estava nas mesmas arquibancadas. A partir daquele dia, foram a muitos jogos juntos. “Formamos um grupo de mais de 30 amigos, virou uma torcida organizada informal. E nós dois sempre assistíamos aos jogos juntos”, ele lembra.

Até que, em 2009, Michell e Andrea começaram a namorar. Casaram em 2013. Até hoje, vão a todas as partidas que podem. “Nossa maior felicidade como casal no estádio foi uma vitória de 6 a 0 contra o Palmeiras, na noite de 5 de maio de 2011. Era a semana do meu aniversário e do nosso noivado”, diz o representante comercial, que hoje tem 43 anos.

Atração compartilhada

Esse é o tamanho do magnetismo que o futebol exerce sobre os brasileiros. Ele não só aproxima torcedores apaixonados como também forma casais que compartilham essa atração. Aliás, o amor pela bola gera reações fisiológicas semelhantes ao amor romântico. É o que apontam pesquisadores da Universidade de Coimbra que analisaram a relação de 56 torcedores ao longo de três anos.

É assim desde, pelo menos, o século 19, quando surgiu o futebol da forma como o conhecemos – mais ou menos na época da popularização dos automóveisO poder de atração do esporte se explica por algumas características. Em primeiro lugar, as regras são simples. O modo de marcar pontos também. Além disso, o fato de se marcarem poucos pontos por partida, diferentemente do vôlei ou do basquete, aumenta o valor de lances espetaculares, protagonizados por craques acima da média.

Continua após a publicidade

Simplicidade e elegância

O historiador inglês Eric Hobsbawm apontou certa vez o segredo do sucesso: “Esse jogo simples e elegante, não perturbado por regras e/ou equipamentos complexos e que podia ser praticado em qualquer espaço aberto mais ou menos plano e do tamanho exigido, tornou-se genuinamente universal”, ele escreveu.

E no Brasil? Oficialmente, essa paixão começou quando o paulista Charles Miller voltou da Inglaterra com a bagagem carregada: duas bolas e dois jogos de uniformes. O ano era 1894 e o resultado foi o início de uma história de amor – e cinco títulos mundiais. “Eu sempre fui um admirador fervoroso do futebol brasileiro, porque é um futebol que tem tanto de espetáculo e rito, de festa e de dança, quanto tem de esporte”, escreveu o romancista peruano Mario Vargas Llosa, um ex-jogador amador apaixonado pelo futebol.

Esse poder de fascínio só aumenta com o passar do tempo. Não depende do resultado dos jogos: muitos times mantêm torcidas apaixonadas mesmo depois de anos sem ganhar títulos. Hoje são 250 milhões de praticantes, em mais de 200 países do mundo (sendo 15,3 milhões de jogadores brasileiros, profissionais ou amadores). Isso sem contar os bilhões de espectadores – como Michell e Andrea, que se uniram graças a uma paixão avassaladora em comum. Aliás, o magnetismo não acontece só por causa do futebol ou de carros. O magnetismo está em todos os cantos, até no ambiente de trabalho.

Agora que você já sabe que o magnetismo está por todos os lados, é hora de conhecer o novo Malbec Magnetic, desenvolvido com uvas riesling, plantadas no solo mineralizado da Alsácia, que dão ao Malbec Magnetic o poder de aumentar o magnetismo natural de todo homem. Conheça e seja ainda mais poderoso! 

Saiba mais sobre o poder do magnetismo em nossas vidas:

Continua após a publicidade
Publicidade