Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Nota 0: jornal diz que Coutinho assinou ‘sentença de morte’ no Barcelona

Meia brasileiro foi chamado de "indolente" e "irrelevante" na derrota para o Liverpool

A imprensa catalã não perdoou a goleada sofrida pelo Barcelona por 4 a 0 que eliminou o time da Liga dos Campeões na semifinal. O diário Sport desta quarta-feira, 8, por exemplo, tratou a derrota como “o maior ridículo da história”. Diversos personagens foram apontados como culpados pelo fracasso, especialmente o técnico Ernesto Valverde e o meia Philippe Coutinho.

O jogador brasileiro, que trocou justamente o Liverpool pelo Barcelona em 2018, recebeu a impiedosa nota 0 do Sport por sua atuação em Anfield. “Indolente” foi o adjetivo mais usado para definir Coutinho pelos diários locais. “Fez como se não fosse com ele”, escreveu o diário.

Diário 'Sport' detonou o Barcelona

Diário ‘Sport’ detonou o Barcelona (Sport/Reprodução)

O As, de Madri, foi ainda mais direto ao dizer que a derrota pode ter selado o destino de Coutinho no clube. “Coutinho escreveu sua sentença de morte (…) Tem talento, mas não caráter para liderar em uma equipe grande. Adeus e até nunca”, cravou o jornalista Javier Miguel. O Mundo Deportivo, por sua vez, afirmou que Coutinho foi “mais uma vez irrelevante”.

O brasileiro já vinha sendo contestado por sua ao longo da temporada. Depois de marcar golaço diante do Manchester United nas quartas de final, o meia fez gestos e soltou um palavrão em direção à torcida, o que aumentou ainda mais os questionamentos.

Philippe Coutinho tem 52 jogos e 11 gols nesta temporada, a sua primeira completa pelo clube – e possivelmente última. O diário Sport informa que o jogador interessa a PSG e Chelsea, mas o clube de Londres corre risco de não poder contratar jogadores na próxima janela, por descumprir normas do chamado “Fair Play Financeiro” da Uefa.